Rádio Observador

Centros Comerciais

Centro comercial Dolce Vita Tejo vendido por 230 milhões

1.075

Empresa de gestão de ativos da seguradora AXA adquiriu o centro comercial no concelho da Amadora por 230 milhões de euros. Projeto de desenvolvimento da unidade prevê um parque aquático.

A seguradora francesa AXA finalizou a compra do centro comercial Dolce Vita Tejo por 230 milhões de euros. A aquisição foi feita pela AXA Investment Managers – Real Asset, que gere um portfolio de ativos imobiliários para investidores, revela a AXA em comunicado.

Os vendedores são os fundos Baupost e o Eurofund que estão a realizar um projeto de desenvolvimento que visa reposicionar o centro comercial da Amadora como o principal destino neste segmento. Estas duas entidades vão continuar à frente da operação e da gestão imobiliário do empreendimento até ao fecho da transação.

O Dolce Vita Tejo, com 15 milhões de visitas por ano, é o segundo maior centro comercial de Portugal, ocupando 80 mil metros quadrados. O espaço tem 274 lojas, dos quais 90% estão ocupadas. A renovação em curso estará concluída em 2019 e tem como objetivo aumentar o espaço a alugar para novas lojas, mas também reforçar de forma substancial a oferta de lazer.

O projeto prevê a instalação de um parque aquático, uma sala de jogos virtuais com simuladores de pilotagem de aviões, bem como um parque temático. Segundo o Eurofund, o plano de investimento em curso, orçado em 50 milhões de euros, propõe-se transformar o Dolce Vita Tejo “no primeiro ‘shopping resort’ de Lisboa” e “no primeiro espaço comercial e de lazer de Portugal”, prevendo, nomeadamente, a reurbanização do espaço da sua praça central.

“À renovação já quase terminada da zona da restauração juntar-se-ão nos próximos meses atividades de lazer, tais como um parque de água, jogos de realidade virtual, simuladores de voo, entre outros”, adianta o fundo.

A nível arquitetónico, acrescenta, está ainda prevista “a remodelação de algumas das fachadas dos operadores” e a “criação de uma nova entrada com maior visibilidade e melhores acessos, deslocalizando a entrada principal do centro comercial e criando uma nova paragem de autocarros e táxis”.

Localizado no IC 16, o centro comercial serve algumas das localidades com maior densidade populacional na Grande Lisboa.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: asuspiro@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)