A notícia caiu como uma bomba entre aqueles que, nos anos 1990, ficaram contagiados pelo vírus pop de canções como “Wannabe” e “Stop”: as Spice Girls estarão alegadamente a preparar um regresso. Geri Halliwell (aka Ginger Spice), Melanie Chisholm (Mel “Sporty” C) e Melanie Brown (Mel “Scary Spice” B) terão sido fotografadas à entrada da casa de ‘Ginger’, em Londres, e o jornal The Sun garante que a reunião vai mesmo acontecer. Entretanto, já esta sexta feira à tarde, Victoria Beckham (ou ‘Posh’) publicou uma fotografia no Instagram com o quinteto reunido, alimentando a especulação:

A publicação inglesa dá pormenores sobre o regresso, alegando que as cinco Spice Girls “estão a considerar” vários projetos: de programas televisivos na China a um novo talent show, passando por uma compilação discográfica com os grandes êxitos da banda. Na totalidade, cada Spice Girl irá faturar mais de 11 milhões de euros, garante ainda o The Sun.

O The Sun cita uma fonte anónima próxima da banda, que refere que esta “é a reunião pop que ninguém esperava que voltasse a acontecer” e que Victoria Beckham (a que colocou sempre mais resistências ao regresso, a par de Geri Halliwell, e que em 2017 chegou mesmo a dizer a Alison Hammond, apresentadora do programa “This Morning”, que este não iria acontecer) foi convencida com as promessas de não ter de cantar ou fazer uma grande digressão pelo mundo.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

“A Victoria e a Geri concordaram que seria impossível por causa da família e dos compromissos profissionais”, apontou a mesma fonte, referindo ainda que as negociações foram longas e que a soma monetária foi decisiva para a convencer a estilista e mulher de David Beckham (“quer fazer dinheiro para o poder injetar no seu negócio” na moda).

Confirmando-se o regresso, que alegadamente tem sido apoiado e estruturado pelo manager Simon Fuller (também fotografado junto à casa de Geri), este será o segundo come back das Spice Girls nesta década, depois de em 2012 as cinco figuras da pop terem-se juntado para uma atuação na cerimónia de encerramento dos Jogos Olímpicos de Londres. Cinco anos antes, a girl band já havia encetado um primeiro regresso, na altura para uma digressão mundial e para uma compilação de êxitos.