A capital da Guiné-Bissau está há 24 horas sem energia elétrica da rede pública devido à falta de gasóleo, disse à Lusa fonte da Empresa de Eletricidade e Águas (EAGB).

Os depósitos do gasóleo na central elétrica estão secos, pelo que a empresa foi obrigada a parar os motores, acrescentou a fonte.

Para funcionar durante 24 horas, a EAGB disponibiliza diariamente cerca de 75 mil litros de gasóleo para os 11 grupos eletrogéneos da central elétrica de Bissau.

De acordo com a fonte, a direção da empresa “tem estado a envidar esforços” no sentido de conseguir gasóleo que possa permitir a retoma do funcionamento das máquinas ainda esta sexta-feira e durante o fim de semana “pelo menos”.

Algumas ruas e avenidas de Bissau têm estado iluminadas por contarem com postes de luz gerado pela energia solar, mas as casas e instituições públicas estão sem corrente elétrica desde às 13:00 de quinta-feira.

As poucas que têm energia elétrica, são as que possuem geradores próprios.