A Nando’s, uma cadeia de fast-food especializada no típico prato português de frango com piri-piri com lojas em mais de 30 países, está atualmente a processar um pequeno restaurante de Reading, no Reino Unido. O motivo? A Nando’s acusa o restaurante de estar a copiar o seu nome e logotipo com o objetivo de lucrar com a confusão dos clientes.

“Acreditamos que ele está a tentar beneficiar de coisas que nos definem”, explicou um porta-voz da Nando’s à BBC, referindo-se a Asam Aziz, o dono do restaurante em causa. Os pontos da discórdia são dois: o nome — Fernando’s — e as imagens de um galo de Barcelos e de uma malagueta, consideradas pela Nando’s semelhantes aos próprios logotipos da empresa de fast-food, protegidas como marcas registadas.

Aziz nega as acusações e garante que a inspiração do nome surgiu de um reality show chamado Take Me Out, onde casais são enviados para uma ilha a que foi dado o nome falso de Fernando’s. Quanto ao galo de Barcelos, o dono explica que o restaurante, aberto há sete meses, serve frango com piri-piri e portanto fazia sentido usar uma variante do famoso galo, símbolo nacional.

“Pensei que íamos começar uma coisa nova, uma marca minha, mas isto causou uma grande tempestade”, declarou à BBC. “Estou a ser vítima de bullying.” Aziz confirmou a um jornal local que vai encontrar-se com especialistas em propriedade intelectual para decidir o que fazer: “Na pior das hipóteses perderei os direitos do nome, do galo e da malagueta e terei de fazer o rebranding. A nossa receita não mudará, o resto sim.”

Um porta-voz da Nando’s acrescentou à BBC que sempre que há uma violação da sua marca registada tenta “resolver o problema de forma amigável”. A Nando’s foi fundada em 1987 por um emigrante português na África do Sul, Fernando Duarte, e a sua receita de frango com piri-piri alcançou grande sucesso, sobretudo no Reino Unido.