No final da Segunda Guerra Mundial surgiram muitas teorias sobre bases militares secretas que os nazis construíram durante o tempo da guerra. Uma delas estaria localizada na região do Ártico, onde foram encontradas 500 objetos de valor histórico, que remontam ao período entre setembro de 1943 e julho de 1944, tal como o Observador já escreveu.

Tal base teria sido construída, segundo várias teorias que foram surgindo (algumas delas apoiando-se em imagens obtidas através do Google Earth) em forma de pirâmide na Antártida, apoiando-se em imagens obtidas através do Google Earth. Tais teorias, contudo, foram agora refutadas pelo geógrafo britânico Richard Waller, da Universidade de Keele, que, em declarações ao Daily Star, disse que aquilo que se avista é uma “bacia do lago na encosta da montanha, onde o gelo do lago e a neve que o rodeia derreteram parcialmente e ficaram saturados” daí apresentar uma “cor mais escura”.

O mistério da base secreta em forma de pirâmide construída pelos nazis fica assim resolvido, não passando apenas de um fenómeno natural. Percorra a fotogaleria para ver as imagens do Google Earth a que a teoria se refere.

Encontrada base secreta nazi no Ártico. Veja as imagens