Detenções

Primeiro grupo dos Hells Angels já chegou ao tribunal

A Polícia Judiciária deteve 59 elementos do grupo de motociclistas Hells Angels que estão indiciados por tentativa de homicídio, roubo, ofensa à integridade física e associação criminosa.

ANTÓNIO PEDRO SANTOS/LUSA

Autor
  • Agência Lusa
Mais sobre

Duas carrinhas celulares da PSP chegaram hoje à tarde ao Tribunal de Instrução Criminal, em Lisboa, com alguns dos detidos do grupo de motociclistas Hells Angels, que deverão começar a ser ouvidos por um juiz cerca das 17h.

As duas carrinhas que transportavam os detidos chegaram ao Campus de Justiça sob grande aparato policial, composto por vários elementos da Polícia de Segurança Pública. Segundo fonte do tribunal, o primeiro interrogatório judicial, na sequência do qual serão aplicadas as medidas de coação, deverá começar pelas 17h.

A Polícia Judiciária deteve 59 elementos do grupo de motociclistas Hells Angels que estão indiciados por tentativa de homicídio, roubo, ofensa à integridade física e associação criminosa. Na quarta-feira, a coordenadora da Unidade Nacional de Combate ao Terrorismo Manuela Santos referiu, em conferência de imprensa, que acredita que muitos elementos ficarão em prisão preventiva, dada a gravidade os crimes pelos quais estão indiciados. Quatro dos 59 elementos dos Hells Angels foram detidos em flagrante por posse de arma de fogo.

O grupo Hells Angels existe em Portugal desde 2002 e, desde então, tem sido monitorizado pela polícia.

Os atos violentos ocorridos em março no Prior Velho, Loures, que envolveram dois grupos rivais de motards, Hells Angels e Red&Gold, e que fez seis feridos, dos quais três graves foi a primeira manifestação mais violenta da organização que levou a PJ a agir. A operação policial de desmantelamento do grupo também teve em conta a realização, de 19 a 22 julho, do encontro de Motards de Faro, onde poderiam ocorrer novamente confrontos entre os dois grupos.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: [email protected]
Cidades

Nunca se lembram de baixar impostos /premium

Maria João Marques

Num país onde abusadores sexuais de crianças têm penas suspensas, há pessoas detidas por venderem bilhetes para o concerto dos U2 pelo preço que outros aceitam livremente comprar. É de loucos.

Serena Williams

A identidade da esquerda /premium

Luís Aguiar-Conraria

A identidade da esquerda passa pela luta de classes. A esquerda não pode esquecer que um estivador negro tem muito mais em comum com um estivador branco do que com um milionário negro.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)