A cantora norte-americana Demi Lovato ainda está no hospital depois de ter sofrido uma aparente overdose na semana passada. De acordo com a CNN, que cita fontes próximas da artista, Demi Lovato está a ter “complicações”, incluindo “náuseas, vómitos e febres altas”.

Ainda que seja expectável que a cantora de 25 anos tenha uma “recuperação total”, não existe qualquer previsão de quando irá sair do Centro Médico Cedars-Sinai, em Los Angeles. “Estamos a levar as coisas um dia de cada vez”, confessou uma das pessoas que falou com a CNN, que revelou que a cantora tem sido frequentemente visitada pela família e pelo ex-namorado, o ator Wilmer Valderrama.

No dia 24 de julho, Demi Lovato foi hospitalizada de emergência depois de ser encontrada inconsciente na própria casa. Na altura, as primeiras notícias davam conta de que a cantora tinha sofrido uma overdose de heroína: ainda no próprio dia, a família de Lovato emitiu um comunicado onde dizia que a cantora estava “acordada e com a família” e garantia que algumas informações veiculadas eram falsas.

Cantora Demi Lovato está estável, depois de ter sido internada de urgência por overdose

Nenhum comunicado oficial foi feito desde aí e permanece a dúvida sobre se Demi Lovato sofreu de facto uma overdose de heroína ou se teve qualquer outro problema de saúde. A cantora de 25 anos tornou pública a sua luta contra as drogas e o álcool há vários anos e já esteve internada numa clínica de reabilitação em 2010. Além disso, Demi Lovato admitiu ter sofrido distúrbios alimentares e foi diagnosticada com doença bipolar.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Dois dias antes de ser hospitalizada, Demi Lovato deu um concerto na California Mid-State Fair, em Paso Robles, na Califórnia. Em março, a cantora congratulou-se nas redes sociais por estar sóbria há seis anos e no final do mês de junho, durante um concerto no Rock in Rio Lisboa, Demi Lovato cantou pela primeira vez ao vivo o single “Sober” – sóbria, em português -, onde pede desculpa a todos aqueles que também sofreram com os seus vícios, incluindo os fãs.

Nas horas que se seguiram à notícia que dava conta da overdose de Demi Lovato, a hashtag #HowDemiHasHelpedMecomo a Demi me ajudou – surgiu nas redes sociais e milhares de fãs da cantora de “Skyscraper” revelaram a forma como se sentiram inspirados e compreendidos pela história de Lovato.