No seu espaço de comentário “As Causas”, na SIC Notícias, José Miguel Júdice ameaçou devolver a condecoração de Grande-Oficial da Ordem do Infante D. Henrique caso o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, não retire a Joe Berardo a Grã-Cruz da mesma Ordem.

Não quero fazer parte de uma ordem muito prestigiada em que tenho como companheiro de caminho Joe Berardo“, afirmou insinuando que o descontentamento se poderia estender a outros condecorados com graus similares: “[Marcelo Rebelo de Sousa] tira a condecoração ao senhor Berardo, ou os condecorados com a Ordem do Infante D. Henrique devem ir entregar as condecorações?”.

Justificando a ameaça, Júdice afirmou que “não tem nada pessoalmente contra” Joe Berardo, mas concluiu que vai “esperar algum tempo e se o Presidente da República entender que deve manter a condecoração ou não der uma boa explicação fica com mais uma para distribuir”.

A 9 de junho de 2005, José Miguel Júdice foi distinguido com a Grande-Oficial da Ordem do Infante D. Henrique pelo Presidente da República Jorge Sampaio.

Já Berardo recebeu o grau de Comendador da Ordem do Infante D. Henrique a 13 de Março de 1985 pelo Presidente da República Ramalho Eanes. A 4 de Outubro de 2004, com Jorge Sampaio, recebeu a Grã-Cruz da Ordem do Infante D. Henrique.