Rádio Observador

Açores

Interditada prática balnear na praia açoriana de Porto Pim devido a contaminação

Instituto Ricardo Jorge recolheu amostras de areia em diversos locais da praia de Porto Pim, sendo que os resultados preliminares indicam a presença de contaminação bacteriológica em certas zonas.

Uma fonte da Secretaria Regional do Mar, Ciência e Tecnologia adiantou à agência Lusa que "as análises na água serão feitas semanalmente"

EDUARDO COSTA/LUSA

A prática balnear na praia de Porto Pim, na cidade da Horta, Faial, está interditada preventivamente desde o final do dia de quarta-feira, devido à deteção “na areia de micro-organismos que poderão pôr em causa a saúde pública“.

Uma nota do executivo açoriano explica que a decisão foi tomada pela delegada de Saúde Concelhia da Ilha do Faial, em articulação com a Direção Regional dos Assuntos do Mar.

Este departamento contratou o Instituto Ricardo Jorge para recolher amostras de areia em diversos locais da praia, sendo que os resultados preliminares indicam a presença de contaminação bacteriológica em algumas zonas do areal.

A Direção Regional dos Assuntos do Mar reforçou o sistema de monitorização da qualidade da água da praia de Porto Pim e serão recolhidas novas amostras de areia, em parceria com o Instituto Ricardo Jorge.

Uma fonte da Secretaria Regional do Mar, Ciência e Tecnologia adiantou à agência Lusa que “as análises na água serão feitas semanalmente”.

De acordo com o Governo dos Açores, “as entidades com competências nesta zona balnear, nomeadamente a Direção Regional dos Assuntos do Mar, o Parque Natural da Ilha do Faial, a Autoridade Marítima Nacional e a Câmara Municipal da Horta, estão a desenvolver todos os esforços para identificar e controlar a eventual fonte de contaminação“.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Açores

Lajes: entre os Pombos e a Águia

José Pinto

Se as instalações da aerogare das Lajes reclamam há muito por obras de manutenção, os pombos decidiram dar uma asinha – um eufemismo por motivos higiénicos – na degradação ambiental.

Combustível

O mundo ao contrário /premium

João Pires da Cruz

Se o seu depósito é mais importante do que aquilo que os pais deste bebé sentiram quando lhes disseram que o filho deles morreu instantes depois do nascimento, é porque tem o mundo ao contrário.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)