O deputado brasileiro Eduardo Bolsonaro, filho do Presidente e indicado para assumir o cargo de embaixador nos EUA, partilhou na quinta-feira um vídeo no qual o chefe de Estado francês, Emmanuel Macron, é apelidado de “idiota”.

“Recado para Macron”, escreveu na rede social Twitter o terceiro filho do Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, numa publicação em que partilhou um vídeo intitulado “França em Crise: Macron é um idiota”, da autoria de um youtuber brasileiro.

Ao longo do vídeo, datado de dezembro de 2018, são mostradas imagens dos protestos dos “coletes amarelos” contra as políticas de Macron, enquanto o youtuber Bernardo Küster, apoiante de Bolsonaro, tece insultos à figura do chefe de Estado francês, assim como à sua forma de governar.

A publicação de Eduardo Bolsonaro surge no dia em que notícias sobre os incêndios na Amazónia tiveram repercussão mundial, com várias figuras internacionais a mostrarem-se preocupadas com a situação daquela que é a maior floresta tropical do mundo. Emmanuel Macron foi mesmo um dos políticos a pronunciar-se sobre a situação da Amazónia. Porém, as palavras não foram bem recebidas pelo governante brasileiro.

O Presidente francês apelou na quinta-feira para que os incêndios na Amazónia sejam discutidos na cimeira do G7, que se realiza este fim de semana em Biarritz, sudoeste de França, afirmando que se trata de uma “crise internacional”.