Dark Mode 137kWh poupados com o Asset 1
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Reduza a sua pegada ecológica. Saiba mais

Logótipo da MEO Energia

PSD: José Cesário apoia candidatura de Luís Montenegro à liderança

Numa publicação, o deputado e ex-secretário de Estado das Comunidades afirmou “que Luís Montenegro saberá olhar todos os militantes por igual, sem qualquer tipo de discriminação".

i

“Acredito que ele será capaz de nos unir, de nos aproximar mais dos portugueses (sem esquecer os milhões que vivem fora do país), de formular propostas inovadoras e mobilizadoras”, escreveu José Cesário

António Cotrim/LUSA

“Acredito que ele será capaz de nos unir, de nos aproximar mais dos portugueses (sem esquecer os milhões que vivem fora do país), de formular propostas inovadoras e mobilizadoras”, escreveu José Cesário

António Cotrim/LUSA

José Cesário, deputado e ex-secretário de Estado das Comunidades, apoia a candidatura de Luís Montenegro à liderança do PSD, refere uma publicação esta sexta-feira na sua página no Facebook, elogiando a capacidade de “unir” os militantes.

“Acredito que ele será capaz de nos unir, de nos aproximar mais dos portugueses (sem esquecer os milhões que vivem fora do país), de formular propostas inovadoras e mobilizadoras”, escreveu José Cesário na sua conta no Facebook.

Para o partido ser “liderante”, argumentou, é preciso mobilizar “o maior número de pessoas”, ter “ideias congregadoras, propostas inovadoras”, ser capaz de motivar “muitos daqueles que não têm votado” no PSD, “particularmente os mais novos, devolvendo a esperança aos portugueses”.

O deputado defende que os sociais-democratas têm que defender “propostas realistas, mas arrojadas, que mudem o sistema político”, “combatam a corrupção”, “promovam o desenvolvimento”, “fomentem verdadeiramente a criação de emprego”, “reformem a educação” e “ajustem a administração pública à realidade do mundo de hoje”.

José Cesário defende a candidatura do ex-líder parlamentar a presidente do partido, nas eleições diretas de 11 de janeiro de 2020: “Acredito que Luís Montenegro saberá olhar todos os militantes por igual, sem qualquer tipo de discriminação, abrindo verdadeiramente o partido à sociedade e apostando na nossa reorganização, de forma a voltarmos a ganhar eleições no plano nacional ou local.”

Pelo menos 40 mil militantes do PSD têm as quotas em dia e podem votar nas diretas para escolher o próximo presidente, de acordo com dados provisórios disponibilizados em 23 de dezembro no site do partido após o encerramento dos cadernos eleitorais.

São candidatos à liderança do PSD o atual presidente do PSD, Rui Rio, o ex-líder parlamentar do PSD Luís Montenegro e o atual vice-presidente da Câmara de Cascais Miguel Pinto Luz.

Recomendamos

A página está a demorar muito tempo.