Pelo quarto dia consecutivo, o número de novos casos de Covid-19 em Portugal subiu. De acordo com o boletim divulgado esta quinta-feira pela Direção-Geral da Saúde, registaram-se nas últimas 24 horas 291 novos casos de infeção pelo coronavírus no país, o que elevou o total de casos até hoje para 54.992.

Já o número de mortos subiu para 1.788, um aumento de dois óbitos relativamente a quarta-feira. Por outro lado, 135 pessoas recuperaram da infeção nas últimas 24 horas, totalizando até agora 40.264 pessoas — 73% das pessoas que contraíram o vírus em Portugal já recuperaram da infeção.

Do ponto de vista da distribuição geográfica, a maioria dos casos continua a verificar-se na região de Lisboa e Vale do Tejo, que nesta quinta-feira confirmou mais 170 novos casos de Covid-19, ou seja, 58% do total nacional. Em segundo lugar surge a região Norte, com 93 novos casos (32% do total). No Alentejo registam-se mais 12 casos; no Algarve mais 9; no Centro mais 6; nos Açores mais 1 e na Madeira o número mantém-se.

Vacina será gratuita. Há mais 291 infetados e duas mortes nas últimas 24 horas

Na região Norte foi registado o maior aumento diário do número de casos desde o dia 10 de maio, dia em que se detetaram 98 casos na região. Este pico vem consolidar uma tendência de crescimento da pandemia a Norte, após um início de verão em que a infeção se concentrou quase exclusivamente na região de Lisboa e Vale do Tejo

Na semana passada, o Norte registava uma média de 61 casos por dia, quase o dobro da semana anterior (38). No início de julho, a região Norte chegou a registar um valores entre os 57 e os 77 casos por dia, mas depois a curva baixou para um máximo de 49 no dia 31 de julho. Agora, em agosto, o número de novos casos a Norte volta a crescer.

Comparando os dados desta quinta-feira com as estatísticas desde o início da pandemia, conclui-se que este é o maior aumento de casos num só dia da última semana. É preciso recuar até à última quinta-feira para encontrar um aumento maior: 325 novos casos.

Por outro lado, desde o domingo passado que o número de novos casos diários em Portugal está em rota ascendente. No domingo detetaram-se 121 novos casos (uma descida face ao dia anterior). A partir daí, foi sempre a subir: 132 na segunda-feira, 214 na terça-feira, 253 na quarta-feira e agora 291.

Uma das mortes ocorreu na região Norte e a outra na região de Lisboa e Vale do Tejo. O novo modelo do boletim da DGS não permite ler, com rigor, a caracterização demográfica dos casos e dos óbitos por Covid-19. Porém, é evidente pelos gráficos apresentados que a faixa etária mais afetada pela mortalidade pela infeção é a dos idosos acima dos 80 anos — cerca de 1.200 vítimas mortais tinham mais de 80 anos de idade.