A Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) anunciou ter apreendido 63 quilos de cocaína escondidos em duas malas de viagem, provenientes do Brasil.

Segundo a informação divulgada esta quarta-feira, a droga foi detetada durante duas ações de fiscalização no aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, tendo sido apreendidos 32 quilos numa mala e 31 quilos numa outra bagagem, ambas transportadas por passageiros provenientes do Brasil.

“A droga apreendida poderia originar uma receita aproximada, para as organizações criminosas, de mais de 1,5 milhões de euros“, refere a informação publicada no Portal das Finanças, apesar de as apreensões terem ocorrido em setembro.

Nos termos da legislação em vigor, o estupefaciente apreendido durante as ações de fiscalização da Delegação Aduaneira do aeroporto de Lisboa foi entregue à Polícia Judiciária.

No início de setembro, a AT anunciou ter apreendido 208 quilos de cocaína, igualmente escondidos em malas de viagem (neste caso em seis), num voo proveniente do Brasil.