Nas últimas semanas, qualquer referência à Bugatti esteve necessariamente relacionada com a alegada vontade do Grupo Volkswagen em vender a marca francesa, que é também a mais prestigiosa e sofisticada do conglomerado. Não por falta de interesse dos alemães no construtor, mas porque parece ser a moeda de troca ideal para ascender a uma posição maioritária na Rimac, o construtor croata que é visto como a Tesla dos superdesportivos, de que o grupo alemão necessita para permitir à Porsche aceder à tecnologia de que necessita.

Mas, desta vez, a Bugatti vem à baila pelos bons motivos. Primeiro, porque os franceses vieram a público com um teaser referente a um novo modelo, com os farolins traseiros em forma de X, que deverá ser revelado a 28 de Outubro. Segundo, porque o modelo em causa foi apanhado a rodar no circuito de Paul Ricard, pela G-E Supercars, que aqui reproduzimos, e que permite ver como é o novo Bugatti que a marca está a preparar.

2 fotos

Tudo indica que será mais uma versão do Chiron e, certamente, a mais radical até ao momento, depois do Sport, Super Sport, Super Sport 300+, Pur Sport, Divo, Centodieci e La Voiture Noire. A frente surge muito mais baixa do que o habitual, recorrendo a uma versão mais reduzida da tradicional grelha em forma de ferradura.

Apesar da camuflagem, é nítida a maior quantidade de entradas e saídas de ar, destinadas a refrigerar travões e radiadores do 8.0 W16, que debita com grande facilidade 1600 cv. À frente é visível um splitter para colar a frente ao solo, enquanto na traseira surge uma asa maior e mais exuberante para ajudar a colocar a potência no asfalto. Não se sabe com exactidão se o novo hiperdesportivo será destinado exclusivamente para pista ou se visa uma utilização mais polivalente, que lhe permita igualmente circular em vias públicas.