O ID.4 vai ser o primeiro veículo eléctrico global da Volkswagen, estando previsto ser fabricado na Europa, mas igualmente nos EUA e na China. Se as primeiras unidades já começaram a rolar da linha de montagem em Zwickau, na Alemanha, agora foi a vez de a China apresentar aos clientes locais o SUV eléctrico alemão, que é produzido em Shenzhen, numas instalações que a VW ali possui em parceria com os chineses da SAIC.

VW pensa em grande: quer vender 500.000 ID.4 por ano

Aproveitando o domínio que revelou nos Jogos Olímpicos sobre milhares de drones em simultâneo, aliado ao facto de não fazer sentido um espectáculo de apresentação de um veículo eléctrico, por natureza não poluente, ser abrilhantado por um show de fogo-de-artifício e muita pólvora, a VW optou por uma exibição amiga do ambiente.

3 fotos

O ID.4 que conhecemos na Europa, modelo que partilha a plataforma MEB do ID.3, bem como os motores, as baterias e, em parte, a estética, pelo menos ao nível da frente, será produzido na China por duas joint-ventures distintas, originando veículos com denominações ligeiramente diferentes. O ID.4 X, fabricado pela VW e SAIC, começou a ser fabricado na China a 27 de Outubro, tendo sido agora apresentado, com o outro ID.4, localmente denominado ID.4 Crozz, produzido pela VW e os chineses da FAW, a estar agendado para ligeiramente mais tarde.

3 fotos

Entretanto, delicie-se com o vídeo sabendo que a VW afirmou terem sido utilizados 2000 drones, que começaram por desenhar no céu o emblema da marca alemã, para depois se transformar no ID.4 com um rigor impressionante.