A Madeira registou este sábado mais uma morte por covid-19, elevando o total de óbitos para 51, indicou a Direção Regional de Saúde, reportando também 91 novos casos de infeção, 57 recuperações e 218 situações suspeitas.

Entre os novos positivos, quatro são importados – três provenientes da Região de Lisboa e Vale do Tejo e um Região Norte de Portugal – e 87 de transmissão local, na maioria associados a contactos ou contextos de casos positivos.

A Direção Regional de Saúde esclarece que o arquipélago teve até agora 5.724 casos confirmados de covid-19, dos quais 1.875 estão ativos.

As autoridades identificaram 57 recuperações e o óbito de uma mulher, de 78 anos, que estava internada no Hospital dr. Nélio Mendonça, no Funchal, elevando o total de mortes para 51.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Em relação ao isolamento dos positivos, 66 pessoas estão hospitalizadas, sete delas em cuidados intensivos, incluindo os três doentes transferidos de Lisboa no dia 29 de janeiro.

A Direção Regional de Saúde aponta também que 41 pessoas cumprem isolamento numa unidade hoteleira dedicada, permanecendo as restantes em alojamento próprio.

“No total, há 218 novas situações que se encontram hoje em estudo pelas autoridades de saúde, estando relacionadas com contactos com casos positivos”, refere, indicando, ainda, que 2.044 pessoas estão em vigilância ativa e outras 4.780 estão monitorizadas através da aplicação ‘MadeiraSafe’.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.299.637 mortos resultantes de mais de 105 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 13.954 pessoas dos 761.906 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.