A circulação na linha ferroviária do Douro está interrompida entre o Peso da Régua e o Pinhão devido à queda de pedras de grande dimensão para a via, segundo a Infraestruturas de Portugal (IP).

O alerta, segundo a IP, foi dado às 08h17 pelo maquinista de uma composição que tinha saído da estação do Pinhão, concelho de Alijó, distrito de Vila Real.

A derrocada ocorreu ao quilómetro 115 da linha do Douro, perto da estação de Covelinhas. Após a deteção do incidente, a composição recuou para o Pinhão.

A IP explicou que, no terreno, estão já a ser feitos os trabalhos de remoção e limpeza e também de avaliação do impacto da derrocada na ferrovia e respetiva plataforma.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Está também, acrescentou, a ser feita uma avaliação da zona para perceber se há outros locais que possam ser considerados de risco de outras derrocadas.

A grande dimensão das pedras, segundo a fonte, dificulta os trabalhos e, por isso, não é possível adiantar, para já, uma previsão de reabertura da linha.

Enquanto não reabrir a linha ferroviária, a CP vai proceder ao transbordo dos passageiros entre as duas estações, Pinhão e Peso da Régua.