Pelo menos uma centena de camiões-cisterna foram destruídos no sábado num incêndio no Afeganistão, numa das passagens de fronteira mais importantes com o Irão, causando milhões de dólares em perdas, disseram autoridades no domingo.

“Entre 100 e 200 camiões foram destruídos. Precisamos de mais tempo para determinar a extensão dos danos”, disse o porta-voz do governador da província de Herat, Jailani Farhad, após visitar o local.

Cerca de 20 feridos foram levados para o hospital após o incêndio, que começou no posto de fronteira de Islam Qala, acrescentou Farhad, um número confirmado por autoridades de saúde locais.

Enquanto os bombeiros tentavam apagar o incêndio, saqueadores invadiram o local, roubando mercadorias importadas e exportadas na fronteira, disse Younus Qazi Zada, chefe da Câmara de Comércio de Herat.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

“O desastre é muito maior do que pensávamos”, afirmou Younus Qazi Zada, estimando “perdas de milhões de dólares”.

Uma delegação foi enviada de Cabul para investigar o incidente, anunciou o governo. Grande parte da província de Herat não tem hoje eletricidade, depois de o incêndio ter danificado linhas.