759kWh poupados
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Reduza a sua pegada ecológica.
Saiba mais

Ana Eduardo Ribeiro

Convidado

Artigos publicados

Guerra

Que arte possuem as guerras?

Não há arte na guerra porque não há espaço para a criatividade e somente para a destruição. Não vinga a pulsão de vida, só a pulsão de morte. Não há ligação nem união, só  corte e desintegração.
Comportamento

Sim, rir é dos melhores remédios

Saber rir de si mesmo também é um bom remédio. Não de forma auto-depreciativa mas como um sinal de maturidade e inteligência emocional.
Comportamento

Ai, como o pânico assusta e desequilibra

Quanto maior for a consciência das possíveis fontes de conflito interno, maior será a capacidade de pensar e contornar o desequilíbrio emocional sentido em momentos de extrema ansiedade.
Sentimentos

A vulnerabilidade faz parte de nós

Contrariamente ao esperado lema da força da carapaça, quem arrisca expor os seus sentimentos ganha ligações a relações mais verdadeiras e inteiras. A coragem para o fazer acaba por trazer confiança.
Comportamento

A importância do Não

A força do não assume a polaridade da coragem e da resistência. A sua importância influi no discernimento de destrinçar o que explicita e implicitamente lhe faz bem, de deitar fora o que é dispensável
Comportamento

É difícil ser adulto

Tal como o adolescente que também vive não pensando no futuro, vivendo num aqui e agora o presente, o adulto da meia idade fá-lo com essa consciência que não há tempo a perder.
Comportamento

Como contrariar “vira o disco e toca o mesmo”?

Se queremos adoptar um estilo de vida com mais saúde, que passe pela mudança da dieta e tempo para desporto, há que, por exemplo, largar a frase de queixume que não há tempo, nem dinheiro.
Comportamento

A fechar o ano, a arrumar assuntos

Sonhar é um alento e pode ser de facto uma boa escapadinha de evasão, mas será inteligente saber aterrar as ideias quando temos necessidade de enfrentar os limites da realidade.
Desporto

Armanda Passos, afecto pessoal e transmissível

Se o mundo de Armanda Passos é sobretudo inundado por uma atmosfera feminina, para mim, na minha intimidade e a nível pessoal é masculino, pois é inevitavelmente a lembrança do meu pai
Desemprego

Os sustos da meia idade

Quando alguém perde um trabalho fica sem rede e sem estrutura. O meio de sustento é a base para manter a vida e quando tal acontece, é impossível não sentir que o mundo caiu.
Outono

Combater a depressão outonal

Porque há-de ser esta época inibidora de manter os convívios e a boa disposição consequente dos mesmos? Afinal as estações do frio também possuem os seus encantos e cheiros bons.

Azul

Nas culturas antigas, como a egípcia, o azul era representante da sabedoria e da temperança, uma cor de proteção, usada para afastar o mal. Na Grécia antiga era associada aos deuses que viviam no céu.
Verão

O binómio do verão

Aspira-se a um bom verão, com boas vivências; embora, infelizmente,  possa acontecer um mau verão. É essencial manter pontos de fuga internos para fazer prevalecer a tranquilidade necessária.
Comportamento

Os ensanduichados

Os ensanduichados vão ficando cada vez mais apertados entre as solicitações dos mais novos e dos mais velhos; para além das obrigações profissionais, conjugais, sociais, financeiras.
Comportamento

A importância de nunca deixar de brincar

Brincar desperta bem estar. Por isso, ser capaz de fazer uso dessa capacidade que nos é inata é conveniente para a nossa saúde mental e para fazer face a alguns momentos mais difíceis.
Coronavírus

Já sem máscaras

É curioso ouvir alguns relatos de adolescentes que passaram a ver os colegas sem máscaras e como se surpreenderam com as caras novas que (re)conheceram.

Que loucos “Anos 20” são estes?

Não somos super-heróis, somos humanos, temos um tecido mole mas uma base estrutural que nos permite manter erguidos e fazer jus à nossa força.  É premente o sentimento de desejo e retomar a esperança.
Psicologia

Porquê a guerra?

Einstein escreve a Freud em Julho de 1932. A pergunta que lhe faz é se, face à autoridade de Freud como cientista psicanalítico, existe alguma forma de se livrar a humanidade da ameaça de guerra.
Comportamento

A indiferença mata!

A malignidade, não se restringe às guerras e situações extremas, mas à insensibilidade perante o sofrimento do outro, à recusa em querer compreender o que se esconde por trás do quotidiano.
Comportamento

A delicadeza dos pequenos gestos

Quem conseguir olhar para a delicadeza das pequenas coisas, aproxima-se da beleza, do sentimento de perfeição. Segundo Hume, a beleza não existe nas coisas em si mas sim no olhar de quem as contempla.

Ofereça este artigo a um amigo

Enquanto assinante, tem para partilhar este mês.

A enviar artigo...

Artigo oferecido com sucesso

Ainda tem para partilhar este mês.

O seu amigo vai receber, nos próximos minutos, um e-mail com uma ligação para ler este artigo gratuitamente.

Ofereça artigos por mês ao ser assinante do Observador

Partilhe os seus artigos preferidos com os seus amigos.
Quem recebe só precisa de iniciar a sessão na conta Observador e poderá ler o artigo, mesmo que não seja assinante.

Este artigo foi-lhe oferecido pelo nosso assinante . Assine o Observador hoje, e tenha acesso ilimitado a todo o nosso conteúdo. Veja aqui as suas opções.

Atingiu o limite de artigos que pode oferecer

Já ofereceu artigos este mês.
A partir de 1 de poderá oferecer mais artigos aos seus amigos.

Aconteceu um erro

Por favor tente mais tarde.

Atenção

Para ler este artigo grátis, registe-se gratuitamente no Observador com o mesmo email com o qual recebeu esta oferta.

Caso já tenha uma conta, faça login aqui.