Conflito na Síria

Crianças sírias pedem atenção com pokémons

168

Uma campanha lançada pelo Exército Livre da Síria chama a atenção para as situações que as crianças do país enfrentam através de fotografias em que as crianças aparecem com o desenho de um Pokémon.

Twitter

O Exército Livre da Síria, principal grupo de oposição ao regime de Bashar al-Assad, lançou uma campanha com fotografias de crianças que mostram desenhos de pokémons. A ideia é chamar a atenção da comunidade internacional para as dificuldades que as crianças do país enfrentam.

As imagens foram divulgadas pelo grupo com as hashtags #PokemonInSyria e #PrayForSyria. Abaixo dos desenhos estão escritas frases em árabe que dizem coisas como “Estou na Síria, vem salvar-me” ou “Há uma grande quantidade de Pokémons na Síria, vem e salva-me”.

A campanha lançada pelo Exército Livre da Síria quer denunciar os crimes do regime de Assad e alertar a comunidade internacional para o sofrimento de uma população que vive em conflito há cinco anos. A guerra já provocou mais de 470.000 vítimas mortais, mostram dados do Centro Sírio de Investigação Politica.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site