Os suecos I Break Horses cancelaram o concerto no festival Vodafone Mexefest. Maria Lindén e Fredrik Balck deveriam dar música aos presentes na Casa do Alentejo, em Lisboa, no dia 29 de novembro, mas a vinda a Portugal foi suspensa devido à greve dos tripulantes da TAP, marcada para o dia seguinte.

“Lamento dizer que vamos ter de cancelar o concerto no Mexefest, em Lisboa, devido à greve da tripulação da TAP”, anunciou a banda na página de Facebook. Apesar de a greve ser só para o dia seguinte, a dupla sueca afirma que precisava regressar a Estocolmo no dia seguinte porque já tem outros compromissos. “Pensamos em todas as soluções possíveis”, disseram.

A TAP está a tentar chegar a um acordo com o sindicato que representa os tripulantes de modo a travar a greve agendada para 30 de novembro e 2 de dezembro.

A Música no Coração já encontrou substituto para ocupar o espaço deixado em branco pelos I Break Horses. O escolhido foi Jay-Jay Johanson, também sueco, mas com uma experiência de 20 anos e já com nove álbuns no currículo. O último, Cockroach, foi lançado em setembro do ano passado. O concerto intimista vai ter lugar na Casa do Alentejo, sábado, às 22h40.

O Vodafone Mexefest acontece nos dias 28 e 29 de novembro e o bilhete para os dois dias custa 40 euros.