O fogo-de-artifício começou primeiro no outro lado do mundo. Durante umas horas, o mundo dividiu-se no calendário entre 2014 e 2015. A Nova Zelândia foi dos primeiros países a estrear as novas datas, o relógio continuou ao ritmo de contagens decrescentes e agora, já é 2015 em todo o mundo.

Às 20 horas do dia 31, em Lisboa, eram vários os países que já tinham entrado em 2015. Os primeiros festejos começaram na Nova Zelândia, Austrália, Rússia, Coreia do Sul, Coreia do Norte, Papua Nova Guiné, China, Japão ou Indonésia. Estenderam-se para Singapura, Índia, Oman, Dubai ou Maldivas. Por volta das 21 horas, em Lisboa, é a vez de a Arábia Saudita iniciar as comemorações de Ano Novo.

A 20 minutos de os portugueses e os britânicos darem as boas-vindas a 2015, o resto da Europa e grande parte dos países africanos já estava em festa. Depois de soarem as 12 badaladas que, em Portugal dão início a 1 de janeiro, o mundo espera que o novo ano chegue ao Brasil, à Gronelândia, aos Estados Unidos da América e ao Canadá. Cerca de nove horas depois das 0h00 em Portugal, 2015 chega a Fairbunks, nos Estados Unidos da América.

Clique no mapa abaixo para ver quando começa o ano em diferentes cidades pelo mundo:

mapa_anoNovo