Um sismo de magnitude 5,9 na escala de Richter sacudiu hoje a Ilha Sul da Nova Zelândia, sem que haja, até ao momento, registo de vítimas ou danos materiais.

O epicentro do abalo, que foi registado às 15h36 (04h36 em Lisboa), foi localizado a cerca de 66 quilómetros a cidade de Kaikoura, na Ilha Sul, a uma profundidade de 55 quilómetros, de acordo com o Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS), que monitoriza a atividade sísmica mundial.

Segundo o serviço sismológico neozelandês GeoNet, que elevou a magnitude do sismo para 6,3, o abalo foi sentido em todo o país, mas é pouco provável que cause graves dados atendendo à profundidade a que teve lugar.

O tremor de terra foi sentido desde Christchurch até Palmerston, na Ilha Norte, e foi seguido por uma réplica de magnitude 3,8.

Um sismo de 6,3 ocorrido na cidade de Christchurch, na Ilha Sul, em 22 de fevereiro de 2011, fez 185 mortos.

A Nova Zelândia assenta na falha entre as placas tectónicas do Pacífico e Oceânia e anualmente regista cerca de 14 mil terramotos, dos quais entre 100 e 150 com potência suficiente para serem percecionados.