Não faltam histórias de lisboetas que trocaram o bulício da capital pela tranquilidade de uma cidade mais pequena mas Vítor Rodrigues e a mulher Margarida Mendes fizeram o percurso inverso. “Somos de Lisboa mas vivemos nos últimos anos em Aveiro, uma cidade pacata, que é pacata demais. Sentimos falta do movimento e decidimos voltar”, conta Vítor, que apesar de uma carreira de duas décadas como livreiro, na cidade da foz do Vouga tinha uma mercearia fina. De regresso a Lisboa, o casal decidiu juntar o gosto à experiência e o útil ao agradável. Como? Criando um conceito híbrido e inédito que une os livros, a arte e a gastronomia. “São tudo expressões culturais, que casam bem umas com as outras”, explicam.

Leituria-ExpressoesCulturais

O conceito esclarece-se à porta. (foto: Tiago Pais / Observador ©)

O espaço em questão chama-se Leituria e abriu há cerca de mês e meio na zona da Estefânia, em Lisboa. O nome, um trocadilho evidente tendo em conta a temática, não foi, segundo Margarida, uma epifania: “Durante uma semana andámos a dizer todos os disparates que nos vinham à cabeça, até que o Vítor, que é mais dado a brincar com as palavras, lembrou-se deste nome.” O espaço tem quatro áreas bem definidas: livraria, mercearia, galeria e uma zona para crianças que, infelizmente para o padrão fonético desta frase, não acaba em “ia”. Vamos por partes.

Livraria

Vítor chama-lhe uma “livraria especial”, já que não está presa a novidades nem às grandes editoras. “Queremos ter diversidade e todos os livros que achamos fundamentais, quer tenham seis meses, seis anos ou seis décadas”, explica. Assim, é dada uma grande atenção a obras de fundo de catálogo e a pequenas editoras independentes, como a Sistema Solar ou a & Etc. No que à gastronomia diz respeito, não faltam, por exemplo, diversos exemplares da seminal Colares Editora. Já quem estiver à procura de raridades ou bons negócios pode também fazê-lo na zona de livros em segunda mão. E o espaço está ainda preparado para receber apresentações de livros, o que tem acontecido com frequência.

Leituria-Livros

Um exemplo da oferta literária da casa. (foto: Tiago Pais / Observador ©)

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Mercearia

Se fosse só mercearia a Leituria já não ficava nada mal servida. Não só porque tem o essencial nessa matéria, entre vinhos, cervejas artesanais portuguesas, bolachas, compotas, chás, conservas e derivados mas também porque complementa essa oferta com peças de design e artesanato de autores nacionais, da Jinja à Carapau de Corrida, passando pelos cadernos da Serrote ou as deliciosas Contadeiras de Histórias. Os produtos são escolhidos por Margarida, que é designer, ilustradora e autora do projeto Dia de Palmas, cujos produtos também estão à venda na loja. A ideia dos responsáveis é que, no futuro, esta zona possa evoluir para uma cafetaria a sério, já que o único produto que vendem para consumo no espaço é mesmo…café.

Galeria

No piso de baixo, a Leituria esconde uma pequena galeria que, segundo Vítor, já tem exposições agendadas quase até ao final do ano. E é também nessa sala que acontece outra das vertentes importantes da casa: os workshops. Os temas vão variando e nem todos estão ligados às letras e aos traços. Se por ali já se ensinou Escrita Criativa para BD ou Ilustração de Histórias, também já se aprendeu, por exemplo, a decorar bolos.

Leituria Sala Galeria

A galeria do piso inferior (foto: Tiago Pais / Observador ©)

Zona Infantil

Por último, será importante fazer referência ao espaço que a Leituria guarda para os mais novos. Uma importância que deriva não só da boa oferta no capítulo dos livros infantis, com destaque para editoras com a Orfeu Mini ou a Planeta Tangerina, mas também do cantinho acolhedor que foi criado na própria loja, com um quadro negro para os mais criativos poderem rabiscar as suas próprias ilustrações e pufes que promovem o conforto durante as sessões de leitura de livros infantis que ali decorrem periodicamente.

Nome: Leituria
Morada: Rua Dona Estefânia, 123A, Lisboa
Telefone: 21 357 0554
Email: geral@leituria.com
Horário: De segunda a sábado das 10h00 às 20h00