Se é dono de um iPhone ou de um iPad, prepare-se para conhecer as cinco maiores novidades do novo sistema operativo da Apple. O iOS 9 traz, entre outras coisas, uma versão mais inteligente da assistente virtual mais conhecida do mundo – a Siri -, um modo multifunções que promete revolucionar a forma como se relaciona com seu tablet, e várias melhorias de aplicações já existentes, como o serviço de geolocalização da Apple.

1 – Siri mais inteligente. A quem é que fiquei de ligar, mesmo?

O jornalista John Patrick Pullen da Time não tem dúvidas: a Siri está definitivamente mais inteligente e mais consciente. Em 2011, quando começou, a jovem assistente apresentava as debilidades típicas de alguém em início de carreira. Agora, como qualquer profissional que se preze, está cada vez mais eficiente.

Com o novo sistema operativo, a Siri consegue lembrá-lo sobre emails e mensagens de texto pendentes, assim como sites que queira consultar mais tarde. Basta para isso que lhe diga claramente: “Siri, lembra-me disto”. A partir daí as coisas ganham ainda mais cor: pode dizer à Siri quando e em que lugar quer ser lembrado do que deixou por fazer e ela assim o fará.

A revista Time destaca ainda uma nova competência da Siri: a partir de agora, vai conseguir pedir-lhe para exibir aquela fotografia que quer mostrar aos amigos, bastando para isso que diga a hora ou local em que foi captada. Mas nem a mais competente das assistentes virtuais pode fazê-lo sem que o utilizador tenha o cuidado de permitir que o telemóvel associe o sistema GPS à câmara fotográfica.

2 – Novidades no teclado

As letras dos teclados vão ficar bem mais pequenas. Esta mudança vai ter um impacto na digitação, em particular das senhas, salienta a Time. No iPad, as novidades são ainda maiores. Se se tocar no teclado com dois dedos, as letras desaparecem e todo o espaço se transforma num teclado – e aí é possível selecionar áreas de texto sem ser preciso usar as funções de linhas ou de seleção a que estamos habituados. Este teclado pode ajudar a tornar o iPad numa máquina mais produtiva, salienta a publicação, porque diminui o tempo de trabalho em tarefas agora melhoradas.

3 – Modo multifunçãoE agora para onde me viro?

Esta novidade não está, infelizmente, ao alcance de todos. Com o novo sistema operativo, vai ser possível executar mais do que uma aplicação ao mesmo tempo. Mas esta novidade só estará disponível para iPad de última geração – iPad Air ou iPad Mini 2 para cima. Se for um desses sortudos, saiba que Apple preparou vários formatos para poder trabalhar com mais do que uma aplicação em simultâneo.

4 – Aplicações mais avançadas

A Apple melhorou algumas aplicações, entre as quais os mapas que incluiem agora indicadores de tráfego/trânsito em algumas cidades dos EUA (São Francisco, Nova Iorque e Washington D.C.) e algumas capitais mundial como Berlim e Londres. Esta opção já existe no Google Maps, por isso é bem-vinda ao iPhone.

A aplicação Notas também vai sofrer alterações, ficando mais em linha com o Evernote. Com o novo sistema operativo, vai ser possível adicionar fotografias, guardar websites e inserir listas. E ainda falta o Apple News que terá a função de agregador de conteúdos, como o Flipboard, por exemplo. Esta aplicação fará alertas para notícias a partir dos órgãos de comunicação social e os utilizadores podem entrar diretamente nas histórias.

5 – Algumas melhorias gerais 

Além de tudo isto, há pequenas melhorias que vêm a caminho. Com o iPhone bloqueado, um duplo clique no botão Home vai levar a que a Apple Pay apareça no ecrã. Se o iPhone estiver desbloqueado, um duplo clique no botão Home vai dar ao conjunto de apps, como já existe, mas agora com “movimentos mais fluidos”. Outra novidade está no ecrã de pesquisa. Se passar o dedo no lado direito do ecrã principal vai dar a um painel de sugestões, desde os contactos recentes até às aplicações mais usadas, ou algumas notícias do mundo. Agora a função de pesquisa está otimizada com mais capacidade de resposta. As aplicações que vão ser sugeridas também vão estar de acordo com a rotina diária e os hábitos de cada um.