Numa altura em que a Google e Apple avançam no domínio do automóvel totalmente autónomo, a chinesa Alibaba – a maior companhia mundial no domínio do comércio electrónico, mas também um dos gigantes no sector da tecnologia – parece enveredar por um caminho diferente de outras tecnológicas, ao apresentar aquele que descreve como “o primeiro automóvel inteligente do mundo”, com base num sistema operativo desenvolvido pela própria empresa.

Utilizando como plataforma rolante um dos SUV comercializados no mercado chinês, o Saic Roewe RX5, o “primeiro automóvel inteligente” da Alibaba utiliza o sistema operativo YunOS e que, entre outras funcionalidades, permite pagar de forma automática o combustível, estacionamento e portagens.

2 fotos

A tecnologia, avança a empresa chinesa, permite ainda criar perfis dos diferentes utilizadores da viatura, podendo fazer também sugestões sobre a climatização, música e restaurantes em redor, com base na informação reunida em viagens passadas. Quanto ao sistema operativo YunOS, manter-se-á, segundo a companhia, aberto a contributos de programadores que desenvolvam aplicações que possam vir a ser interessantes e ajudar à funcionalidade do sistema.

Este novo “carro inteligente” deverá estar disponível para comercialização exclusivamente no mercado chinês, já a partir de Agosto, por qualquer coisa como 20.000€. Não foi especificado se esta nova tecnologia estará disponível apenas e só no Saic Roewe RX5, ou se será transaccionada de forma independente, para poder ser associada a qualquer modelo à escolha do cliente.