O Nate tocou terra pela segunda vez no Mississípi, tornando-se no primeiro furacão a atingir aquele estado norte-americano desde o Katrina em 2005.

O Centro Nacional de Furacões (NHC, na sigla inglesa) disse que o Nate tinha ventos máximos de até 140 quilómetros por hora, sendo esperado o seu enfraquecimento à medida que se movia para o interior.

O olho do furacão estava a cerca de dez quilómetros a norte de Biloxi e movia-se em direção a norte, à velocidade de 31 quilómetros por hora.

Esta foi a segunda vez que o Nate tocou terra. Na noite de sábado, tinha atingido a costa ao longo de uma área não muito povoada no sudeste do estado do Luisiana.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Nate trouxe chuvas intensas para a Costa do Golfo e os seus fortes ventos empurraram a água para as estradas.

Não foram reportadas vítimas mortais ou feridos no imediato.