Presidente Marcelo

Marcelo começa esta quarta-feira a ouvir partidos sobre próximo Orçamento do Estado

O Presidente da República recebe esta quarta-feira Pessoas-Animais-Natureza (PAN) e o Partido Ecologista "Os Verdes" (PEV) para discutir o Orçamento do Estado para 2019 e outros temas.

João Relvas/LUSA

O Presidente da República começa esta quarta-feira a receber os partidos com representação parlamentar para discutir o Orçamento do Estado para 2019 e outros temas que o chefe de Estado considera importantes para o país no imediato e a prazo.

O primeiro partido a ser recebido por Marcelo Rebelo de Sousa no Palácio de Belém, em Lisboa, é o Pessoas-Animais-Natureza (PAN), às 12h, seguindo-se o Partido Ecologista “Os Verdes” (PEV) às 13h. O chefe de Estado antecipou esta segunda-feira que espera “ouvir os partidos sobre o que é importante para Portugal no imediato e a prazo”.

“No imediato, como é que veem o orçamento para o ano que vem, o período que vai até às eleições e até ao termo da legislatura”, afirmou.

Sobre os temas a prazo, o Presidente da República deu o exemplo do “quadro financeiro plurianual, investimentos públicos a prazo, o chamado pós-2020”, querendo saber como é que os partidos “veem as prioridades no horizonte de 2030”.

“É muita matéria, mas teremos oportunidade de voltar a falar. Os encontros são de três em três meses. Haverá agora. Ainda haverá mais ao longo do ano”, disse aos jornalistas Marcelo Rebelo de Sousa na passada segunda-feira.

Os encontros com os partidos políticos continuam na quinta-feira com o PCP e o CDS-PP e, na sexta-feira, o chefe de Estado recebe o BE e o PS. O Presidente da República receberá ainda, no dia 19 de fevereiro, segunda-feira, a nova direção do PSD.

Esta audiência tinha sido divulgada logo após a eleição de Rui Rio para a liderança do PSD, no dia 13 de janeiro, numa nota publicada no ‘site’ da Presidência. As audiências com os partidos com representação parlamentar acontecem após o chefe de Estado ter recebido os parceiros económicos e sociais.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Assembleia Da República

Apologia da barata /premium

Helena Matos

Leões, águias ou dragões? Nem pensar. Sigamos a barata. É na barata que está a questão. As baratas andam por aí numa espécie de sinal exterior da putrefaçcão dos edifícios. E do regime.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

Detalhes da assinatura

Acesso ilimitado a todos os artigos do Observador, na Web e nas Apps, até três dispositivos.

E tenha acesso a

  • Assinatura - Aceda aos dados da sua assinatura
  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Inicie a sessão

Ou registe-se

Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)