Fortunas

Família Azevedo regressa ao pódio dos mais ricos de Portugal

A família Amorim mantém a liderança do ranking, com Alexandre Soares dos Santos na segunda posição, seguidos pelos irmãos Azevedo, que regressaram ao pódio dos mais ricos do país.

JOSE COELHO/LUSA

A revista Exame divulgou esta terça-feira a lista dos 25 mais ricos de Portugal, uma análise feita através de vários relatórios, comunicados, registos e notícias. No total, os mais ricos valem 10% do Produto Interno Bruto (PIB) nacional — isto é, valem mais de 17,9 mil milhões de euros. Um valor inferior, contudo, aos 18,8 mil milhões de euros do ano passado.

A família Amorim mantém a liderança do ranking, com uma fortuna avaliada em 3.849 milhões de euros, com Alexandre Soares dos Santos na segunda posição, seguidos pelos irmãos Azevedo, que regressaram ao pódio. Os herdeiros de Belmiro de Azevedo relegaram assim para o quarto posto a família Guimarães de Mello, liderada por Vasco de Mello.

O empresário Américo Amorim morreu o ano passado aos 82 anos deixando uma herança que tem como os seus maiores ativos a Corticeira Amorim e uma participação de referência na Galp Energia. O grupo, agora liderado pela filha mais velha, Paula Amorim, detém também posições em alguns bancos, apesar do estar a desinvestir nesse setor.

No segundo lugar está Alexandre Soares do Santos, dono da Jerónimo Martins, empresa que controla o Pingo Doce, com uma fortuna que a revista Exame avalaia em 1.818 milhões de euros. A fortuna de Soares dos Santos é mais reduzida em relação ao ano passado, devido à desvalorização em bolsa da Jerónimo Martins.

De volta ao terceiro lugar estão os herdeiros de Belmiro de Azevedo. Os filhos Paulo, Nuno e Cláudia Azevedo ascenderam ao terceiro lugar depois de uma ligeira valorização das ações do grupo Sonae, tendo agora a sua fortuna avaliada em 1.463 milhões de euros.

No sentido inverso vem a família Guimarães de Mello, liderada por Vasco de Mello, que no ano passado ocupava o terceiro lugar. Com uma fortuna avaliada em 1.456 milhões de euros, a família Guimarães de Mello fica ligeiramente à frente de António da Silva Rodrigues, que ocupa a quinta posição com 1.050 milhões de euros.

Veja aqui a lista dos 7 mais ricos de Portugal:

  1. Família Amorim – 3.849 milhões de euros
  2. Alexandre Soares dos Santos – 1.819 milhões de euros
  3. Família Azevedo – 1.463 milhões de euros
  4. Família Guimarães de Mello – 1.456 milhões de euros
  5. António da Silva Rodrigues – 1.050 milhões de euros
  6. Família Alves Ribeiro – 892 milhões de euros
  7. Pedro Mendonça de Queiroz Pereira – 779 milhões de euros
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Caixa Geral de Depósitos

E Berardo deixou-os nús /premium

Helena Matos
1.132

A fúria dos seus parceiros nasce não do que Berardo fez mas sim daquilo que expôs sobre eles e como exercem o poder. Do BCP ao CCB, Berardo, o capitalista de Estado, é a outra face do socialismo.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)