Morte

Bebé de 10 meses encontrado morto depois de ter sido deixado no interior de um carro em Manacor (Maiorca)

563

Bebé estava à guarda do avô e terá ficado oito horas no interior do carro. Homem foi internado com ataque de ansiedade. Polícia pensa que se tratou de um descuido.

PAULO NOVAIS/LUSA

Uma bebé de cerca de 10 meses foi encontrada morta esta sexta-feira no interior de um carro estacionado na localidade espanhola de Manacor (Maiorca). A bebé terá ficado oito horas no interior do carro, noticiou o jornal espanhol ABC, que aponta o descuido do avô da criança como causa para o sucedido.

Fontes policiais espanholas explicaram ao ABC que o avô da bebé, um espanhol de 56 anos, só esta sexta-feira tinha ficado a cuidar da criança. Cerca das 07:00 (06:00 em Lisboa) o homem estacionou o carro na rua S’Hort des Cabré e saiu do veículo, deixando a bebé lá dentro. A polícia estará a considerar, por enquanto, a hipótese de descuido.

Horas depois, cerca das três da tarde, o homem regressou à mesma rua onde tinha deixado estacionado o carro, apercebendo-se na altura que se tinha esquecido da criança lá dentro. Pediu imediatamente ajuda a um médico, que por acaso estava a passar na rua. A criança foi também assistida por dois funcionários de uma clínica próxima.

Os três profissionais de saúde terão constatado, então, que a criança já tinha morrido, previsivelmente horas antes, devido às altas temperaturas que se fizeram sentir ao longo do dia na localidade maiorquina.

O avô da bebé foi levado de urgência ao Hospital de Manacor, devido a um ataque de ansiedade. A Polícia Nacional espanhola abriu uma investigação para determinar as causas exatas do incidente.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: nvinha@observador.pt
Web Summit

O que separa a Web Summit do BE? /premium

Paulo Trigo Pereira

Liberalismo e qualidade da democracia é o que separa a Web Summit do Bloco de Esquerda. No BE uns não são democratas liberais, outros serão, mas acham que a democracia é vulnerável. 

Crónica

Episódios da política portuguesa /premium

João Marques de Almeida

Uma conversa em Belém. Outra na São Caetano à Lapa. E um telefonema por causa da Web Summit. Não se assustem: qualquer semelhança entres estes episódios e a realidade é pura coincidência.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)