A Polícia Judiciária deteve na Covilhã um homem por crimes de violação, de violência doméstica e ofensas à integridade física. A ação surge na sequência de um alegado ataque do homem de 23 anos à namorada durante a madrugada de domingo, neste domingo, dia 10 de março.

A detenção deu-se na segunda-feira, 11 de março, através do Departamento de Investigação Criminal da Guarda.

Foi a própria vítima a queixar-se do namorado, um tecelão, por violência doméstica. Em declaração oficial a Polícia Judiciária sublinha que o alegado agressor está “fortemente indiciado” pelos crimes. A queixosa é identificada apenas como uma “mulher jovem”.