Rádio Observador

Tortura

As 20 canções que a CIA mais usa nas torturas

570

De Eminem a Bee Gees, de Metallica a Christina Aguilera. São muitos os temas que a agência americana usa nos interrogatórios. Prisioneiros são sujeitos a horas e horas destes temas em quartos escuros.

AFP/Getty Images

Privação de sono, simulação de afogamento e até ameaças de abuso sexual. Estas são apenas algumas das formas de tortura que a CIA pratica para obter informações ou vergar alvos em interrogatórios. Mas e a música? Será esta uma forma eficaz de tortura? Sim, para promover a privação de sono. E a CIA recorre a temas de Eminem, Metallica e até canções de desenhos animados em interrogatórios.

Um relatório do Comité de Inteligência do Senado, citado pelo jornal Vox, revela que a música é usada como forma de tortura sem contacto, onde os detidos são mantidos num quarto escuro e constantemente sujeitos à mesma música num alto volume. Assim, ficam sem dormir durante horas.

A música não é só utilizada para desgastar a mente dos prisioneiros. Certas canções — diferentes daquela que a CIA habituou os alvos a ouvir — são utilizadas para informar que vai começar um novo interrogatório.

A música rock e metal é usada para atingir os detidos com sons desconhecidos, para transmitir um sentimento de pouca familiaridade. “De certa forma, aquela música não me incomodava. Eu cresci no Reino Unido, conhecia-a. Mas aldeões do Afeganistão ficavam admirados e perplexos, confusos, completamente fora de si”, relatou o britânico Moazzam Begg, detido pela CIA no Paquistão em 2002.

Eis uma lista de canções compilada pelo Vox e ainda pela agência Mother Jones que a CIA escolheu para torturar prisioneiros. Estas músicas são vistas como tendo a capacidade para “irritar” e desgastar os prisioneiros.

1. Deicide – “Fuck Your God”

2. Dope – “Take Your Best Shot”

3. Eminem – “White America”

4. Eminem – “Kim”

5. Genérico de Barney & Friends

6. Drowning Pool – “Bodies”

7. Metallica – “Enter Sandman”

8. Jingle do Meow Mix

9. Genérico do Rua Sésamo

10. David Gray – “Babylon”

11. AC/DC – “Shoot to Thrill”

12. AC/DC – “Hells Bells”

13. Bee Gees – “Stayin’ Alive”

14. Tupac – “All Eyez On Me”

15. Christina Aguilera – “Dirrty”

16. Saliva – “Click Click Boom”

17. Neil Diamond – America

19. Vários temas de Rage Against the Machine

20. Don McLean – “American Pie”

Não queremos ser todos iguais, pois não?

Maio de 2014, nasceu o Observador. Junho de 2019, nasceu a Rádio Observador.

Há cinco anos poucos acreditavam que era possível criar um novo jornal de qualidade em Portugal, ainda por cima só online. Foi possível. Agora chegou a vez da rádio, de novo construída em moldes que rompem com as rotinas e os hábitos estabelecidos.

Nestes anos o caminho do Observador foi feito sem compromissos. Nunca sacrificámos a procura do máximo rigor no nosso jornalismo, tal como nunca abdicámos de uma feroz independência, sem concessões. Ao mesmo tempo não fomos na onda – o Observador quis ser diferente dos outros órgãos de informação, porque não queremos ser todos iguais, nem pensar todos da mesma maneira, pois não?

Fizemos este caminho passo a passo, contando com os nossos leitores, que todos os meses são mais. E, desde há pouco mais de um ano, com os leitores que são também nossos assinantes. Cada novo passo que damos depende deles, pelo que não temos outra forma de o dizer – se é leitor do Observador, se gosta do Observador, se sente falta do Observador, se acha que o Observador é necessário para que mais ar fresco circule no espaço público da nossa democracia, então dê o pequeno passo de fazer uma assinatura.

Não custa nada – ou custa muito pouco. É só escolher a modalidade de assinaturas Premium que mais lhe convier.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Identidade de Género

Minorias de estimação /premium

Laurinda Alves

No dia em que as casas de banho das escolas forem obrigatoriamente abertas a rapazes e raparigas de todas as idades, as agressões vão escalar e a “pressão dos pares” poderá ser ainda mais perversa.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)