O trailer explica bem a história de “See”. Daqui a uns quantos séculos, a maior parte dos seres humanos perde a capacidade de ver. E a mera hipótese que exista alguém que ainda o consiga fazer ou que haja uma qualquer cura é mais mito que outra coisa. Num mundo pós-apocalíptico em que puca gente resta à superfície da Terra, Jason Momoa interpreta o pai de duas crianças recém-nascidas com — isso mesmo — o dom da visão. Agora, das duas uma, ou o milagre é fruto de uma qualquer magia ou é o resultado de um poder maligno. Em ambos os casos, o importante é proteger as crianças. E este é o primeiro trailer de “See”, mais uma produção a caminho da Apple TV+, produzida pela própria tecnológica:

Segue-se depois uma espécie de jogo do gato e do rato, entre quem protege os infantes prodígios e os que os perseguem, em buscar de livrar o mundo do maior dos males. “See” vem com a assinatura dos produtores dos filmes da saga “Hunger Games” e dos argumentistas de “Peaky Blinders”. E é uma das séries com estreia marcada para o dia 1 de novembro, a data de lançamento do novo serviço de streaming da Apple, com uma mensalidade de 4,99 euros. como foi confirmado esta terça-feira pelo CEO Tim Cook, no habitual evento de setembro da marca. Outro das bandeiras do serviço será “Morning Show”, série protagonizada por Jennifer Aniston.