Depois do escândalo “Cheddargate”, Marc Veyrat não quer nenhuma estrela Michelin no seu novo restaurante em Paris. O famoso chef de cozinha francês está mesmo zangado com o Guia. Perdeu uma ação em tribunal depois de lhe retirarem a terceira estrela do outro restaurante na capital francesa por ele ter usado queijo inglês em vez de francês.

“”Eu não quero uma estrela Michelin”, disse Veyrat, citado pelo The Guardian. “Não quero nunca o Michelin [inspetores] aqui”, avisou Veyrat ao abrir o novo restaurante La Fontaine Gaillon, um espaço do século XVII que era do conhecido ator Gerard Depardieu.

O francês considera os inspetores Michelin “incompetentes”, uma vez que alegaram que este usou queijo cheddar inglês em um suflê, ao invés do francês Reblochon para lhe tirarem a terceira estrela do seu restaurante Les Maisons des Bois nos Alpes franceses. Para além disso, acusa-os de terem relações de proximidade com alguns chefs.

Veyrat perdeu a batalha judicial contra a Michelin, mas garante que treinou “sete chefs de três estrelas, 21 de duas estrelas”  e vários “têm uma estrela”.

O chef promete “acender estrelas nos olhos dos clientes” com os pratos que servirá no seu novo restaurante: segundo o jornal britânico, Veyrat vai continuar a cozinhar as suas criações “botânicas” que o tornaram famoso — tanto quanto o seu eterno chapéu preto, que nunca larga — , incluindo vieiras perfumadas com hogweed selvagem, servidas com puré de tâmaras em emulsão de capim-limão.