São já várias as empresas com funcionários em teletrabalho e, a partir de segunda-feira, também a Função Pública tem ordem para fazer o mesmo. Tudo para mitigar o impacto da pandemia do Covid-19. Na manhã desta sexta-feira, o unicórnio (empresa avaliada em mais de mil milhões de dólares) OutSystems anunciou que implementou o trabalho remoto a todos os 1.100 colaboradores que tem espalhados pelo mundo. As viagens serão restritas apenas ao essencial.

Atualmente, a empresa liderada por Paulo Rosado opera em seis continentes, com escritórios em 11 países, incluindo Estados Unidos, Portugal, Reino Unido, Holanda, Alemanha, Emirados Árabes Unidos, Austrália, Hong Kong, Japão, Malásia e Singapura. Também a Veniam colocou todos os seus colaboradores em teletrabalho.

Não foi a única empresa. “No contexto da atual pandemia provocada pela doença Covid-19, e no sentido de contribuir para a minimização dos seus impactos, decidimos ativar nas nossas equipas o modo de trabalho remoto. Somos um conjunto de 25 empresas que angariou cerca de 55 milhões de euros em investimento e tem, no momento, mais de 500 pessoas em trabalho remoto”, lê-se no comunicado que este grupo de empresas enviou ao Observador.

“Ao adotar medidas preventivas, pretendemos dar o nosso contributo no sentido de controlar o crescimento exponencial do número de infetados, que poderá colocar em risco a vida e o bem-estar das equipas, das suas famílias e da comunidade em geral. Neste contexto, vamos continuar a satisfazer os nossos clientes, a motivar as nossas equipas, e a dinamizar a economia”, lê-se.

As startups estão a apelar a que outras empresas façam o mesmo, beneficiando das boas práticas da tecnologia e de todas as infraestruturas que estão hoje acessíveis a todos, que permitem continuar a trabalhar a partir de casa. As empresas que aderiram a este plano são a 3Decide, Abyssal, B-Parts, Bright Technologies, Climber, Codavel, Didimo, Dott.pt, GoParity, HUUB, HypeLabs, Infraspeak, ISSHO, Jscrambler, Jumpseller, Last2Ticket, LOQR, Nuada, PlataformE, TAIKAI, Tonic App, Velocidi, Wisecrop, XHOCKWARE, Zappy.

Os empreendedores deixam alguns links que podem ajudar a lidar com o teletrabalho: “How Doist works remote“; “Resources for companies embracing remote work“; “Coronavirus and other crises that force people to reinvent themselves“; “Coronavirus: Why you must act now“.