Dark Mode 197kWh poupados com o Asset 1
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Reduza a sua pegada ecológica. Saiba mais

Logótipo da MEO Energia

Número de internamentos por Covid-19 voltou a aumentar no dia de Natal

Mais 36 pessoas ficaram internadas a 25 de dezembro por causa da Covid-19, elevando o número para 2.970. Os internados em UCI são agora 513. Setenta e oito pessoas morreram por Covid-19.

i

Um profissional de saúde presta cuidados a um doente internado na unidade de cuidados intensivos do Hospital de São João

AFP via Getty Images

Um profissional de saúde presta cuidados a um doente internado na unidade de cuidados intensivos do Hospital de São João

AFP via Getty Images

O número de pessoas internadas nos hospitais portugueses com quadros clínicos mais graves de Covid-19 subiu para 2.790, mais 36 do que na véspera de Natal. Mais nove pessoas foram encaminhadas para as unidades de cuidados intensivos, elevando os internados com quadros clínicos severos a 513.

Setenta e oito pessoas morreram por Covid-19 a 25 de dezembro, contabiliza o relatório de situação da Direção-Geral da Saúde. Houve mais 1.214 casos de infeção pelo novo coronavírus, o número mais baixo desde 13 de outubro.

É uma diminuição considerável de novos casos — tinham sido 4.146 a 24 de dezembro —, mas a que não deve ser alheio o efeito do feriado de Natal, dia no qual terá havido menos amostras processadas, ora porque terá havido mais laboratórios encerrados, ora porque menos pessoas terão assinalado eventuais sintomas de infeção.

Entre a meia-noite e as 23h59 de 25 de dezembro, 1.545 pessoas foram dadas como recuperadas da Covid-19. São mais 331 pessoas que os novos infetados detetados em 24 horas em Portugal. O número de casos ativos é agora de 69.769, menos 409 que ao longo da última sexta-feira.

Lisboa e Vale do Tejo próximo do Norte em novos casos e óbitos

O número de novos casos em Lisboa e Vale do Tejo foi inferior ao registado no Norte por apenas 13 infetados: 438 na primeira, 451 na segunda região. Seguem-se o Centro com mais 148 casos, o Alentejo com mais 85, o Algarve com mais 43 infetados, a Madeira com mais 28 e os Açores com mais 21.

Lisboa e Vale do Tejo registou também o maior número de óbitos por Covid-19: 32 vítimas mortais. O Norte teve mais 30 mortos, oito no Centro, sete no Alentejo e um no Algarve. Não se registaram vítimas mortais por Covid-19 nos arquipélagos portugueses.

A faixa etária dos 40 aos 49 anos continua a englobar o maior número de novos casos de infeção pelo novo coronavírus, com 200 dos infetados registados no dia de Natal. Com os indivíduos com entre 50 e 59 anos, que são 186 novos casos, estas faixas etárias perfazem um terço dos novos infetados.

Seguem-se a faixa etária dos 20-29 anos (174 casos), 30-39 anos (153 casos), 60-69 anos (143 casos), 10-19 anos (113 casos), 80 anos ou mais (101 casos), 70-79 anos (84 casos) e até aos nove anos (60 casos). Dos 1.214 novos casos, 631 são do sexo feminino (52%) e 583 são do sexo masculino (48%).

Das 78 pessoas que morreram de Covid-19 no dia de Natal, 57 tinham 80 anos ou mais — ou seja, 73,1% dos óbitos. Treze delas tinham 70-79 anos, seis tinham 60-69 anos e duas tinham 50-59 anos. Quarenta das vítimas mortais eram mulheres, 38 eram homens.

Recomendamos

A página está a demorar muito tempo.