Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

A agência espacial norte-americana publicou uma fotografia do Perseverance, o mais complexo rover a pousar na superfície marciana e o melhor laboratório de astrobiologia do mundo, poucos segundos antes de aterrar no Planeta Vermelho. A imagem, captada pela câmara a bordo do módulo de aterragem da missão, é uma das seis fotografias do álbum que a NASA constituiu para mostrar aos terráqueos mais uma vitória espacial em Marte.

Outra fotografia, esta captada pela câmara HiRISE, a bordo do Mars Reconnaissance Orbiter — uma sonda norte-americana enviada com o objetivo de procurar evidências de existência de água no passado remoto de Marte —, mostra o módulo de aterragem a conduzir o rover até ao seu destino. O antigo delta do rio, que é o alvo da missão, pode ser visto no lado esquerdo da Cratera Jezero.

Além das fotografias captada das alturas, que mostra a parte superior do veículo espacial a poucos segundos de chegar à sua eterna casa, a NASA publicou esta sexta-feira a primeira imagem a cores e de alta resolução do Perseverance já com as rodas assentes em Marte: a vista panorâmica das chamadas Hazcam — câmaras fotográficas que o rover usa para navegar e evitar obstáculos — sobre o horizonte marciano.

A quarta fotografia mostra uma das seis rodas do rover Perseverance — todas elas feitas de alumínio com presilhas para tração e raios curvos de titânio para um suporte flexível. Cada uma têm o próprio motor — aliás, as rodas dianteiras e traseiras também têm motores de direção individuais, o que permite ao veículo girar 360º em torno de si mesmo. A direção nas quatro rodas também permite que o rover se desvie e faça curvas em arco.

As quatro imagens juntam-se a outras duas enviadas de Marte para a Terra poucos segundos depois de o Perseverance ter pousado na superfície marciana. “Olá, mundo. O meu primeiro olhar para a minha eterna casa”, diz a legenda da imagem fotografada pela câmara dianteira do rover e publicada na conta de Twitter da missão.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR