O piloto britânico Lewis Hamilton disse esta terça-feira que vai partir em busca de um inédito oitavo título mundial de Fórmula 1, mas também de “promover diversidade” no desporto, na apresentação do novo carro da Mercedes para 2021.

No passado, tinha como único foco vencer o campeonato. (…) Este ano, trata-se também de promover a diversidade e garantir que há ações que são tomadas”, explicou Hamilton, durante a apresentação virtual do novo monolugar.

O britânico, campeão de Fórmula 1 por sete vezes, tem apoiado o movimento Black Lives Matter e tem sido promotor de outras medidas de índole social no desporto, quando entra neste novo ano de contrato com a Mercedes, aos 36 anos.

O próprio carro, intitulado W12, inclui referências visuais a movimentos contra a discriminação racial, num ano em que a equipa procura levar de novo o piloto britânico e o finlandês Valtteri Bottas aos primeiros lugares.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

O novo carro da Mercedes para o Campeonato do Mundo de F1 de 2021 é muito similar ao do ano passado, uma vez que os desenvolvimentos estão “congelados”, à espera das novas regras do campeonato em 2022, com alterações apenas a nível visual e na aerodinâmica.

Estou numa posição privilegiada, em que consegui a maior parte das coisas que queria conquistar. Não há necessidade de planear demasiado para a frente, só queria um ano [na renovação de contrato]”, afirmou Hamilton, empatado com o alemão Michael Schumacher, ambos com sete títulos mundiais.