É de tomar nota para rumar ao interior do país por esta altura: entre os dias 2 e 4 de julho a cidade da Guarda vai receber um festival de gastronomia de altitude, o Altitudo. O festival é uma iniciativa que decorre sob a alçada do já conhecido festival Arrebita Portugal.

O evento acontece na cidade mais alta do país, que dá assim o mote para aquele que quer ser o primeiro festival de gastronomia de altitude de Portugal. A iniciativa é da Câmara Municipal da Guarda e da Amuse Bouche, agência de comunicação e eventos ligados à gastronomia que organiza o já conhecido Sangue na Guelra e também o Arrebita Portugal, que arrecadou o Grande Prémio da Academia Portuguesa de Gastronomia em 2020 e que foi o único festival gastronómico já realizado em contexto de pandemia.

“Com a missão de contribuir para o plano de recuperação e resiliência do país e de estimular a revitalização do tecido económico português, o Altitudo é uma celebração do melhor da gastronomia de montanha e de produtos de excelência como o cabrito, a batata, o pão, o queijo ou os enchidos”, refere a agência em comunicado.

Este quer ser o primeiro festival gastronómico de altitude, uma vez que a cidade da Guarda tem características muito específicas nesse aspeto ©DR

O Altitudo, que também decorre com o apoio do Turismo do Centro, terá o seu cartaz revelado muito em breve que vai contar com mais de 20 chefs de cozinha que terão a sua banca de comida em pleno centro histórico da Guarda. A mecânica será semelhante à do Arrebita, ou seja, o festival decorre ao ar livre, com pratos simples e passíveis de serem comidos em andamento, tudo a preços acessíveis. É de salientar também que os chefs que viajam até à Guarda vão criar sinergias com os cozinheiros e guardiões da cozinha local.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

O Arrebita Portugal teve a sua primeira edição no ano passado, primeiro em Portimão e depois em Idanha-a-Nova, sendo que este ano o festival chegará a mais cidades portuguesas ainda por anunciar.