Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

A fachada da Associação Cultural e Recreativa “Os Bravos da Boa Luz” está decorada com várias fitas coloridas, há uma imagem de Santo António a ser colada numa das janelas e um “trono” branco montado do lado esquerdo. Em Braga é altura de preparar os santos populares, mas a festa volta a ficar-se praticamente pela decoração e por eventos mais pequenos ou em formato digital. “Agora ainda menos”, comenta-se à porta. Esta quarta-feira, o Governo determinou que Braga, juntamente com Lisboa, Odemira e Vale de Cambra, não avança para a próxima fase de desconfinamento, que começa na segunda-feira.”Já era de esperar”, refere ao Observador Edmundo Lima, sócio da associação.

Quatro concelhos não avançam no desconfinamento, mas nenhuma recua. A lista completa

Este artigo é exclusivo para os nossos assinantes: assine agora e beneficie de leitura ilimitada e outras vantagens. Caso já seja assinante inicie aqui a sua sessão. Se pensa que esta mensagem está em erro, contacte o nosso apoio a cliente.