E se pudesse ter o Facebook na sua cara quase literalmente? É mais ou menos isso que os novos óculos da empresa fundada por Mark Zuckerberg querem fazer. Chamam-se “Ray-Ban Stories: Smart glasses“, foram divulgados esta quinta-feira e, de acordo com a organização que também detém o Instagram e o WhatsApp, são a “primeira geração de óculos inteligentes [smartglasses, em inglês]”. Porquê? Têm duas câmaras e microfones integrados. Contudo, prometem ser desenhados “para a privacidade”.

[Mark Zuckerberg partilhou no Facebook um vídeo no qual mostra como é que se usam os óculos inteligentes]

Introducing Ray-Ban Stories. Smart glasses that let you capture photos and videos, share them with friends, listen to music and podcasts, or take phone calls — all while staying in the moment. Starting at $299 and available now at https://ray-ban.com.

Posted by Mark Zuckerberg on Thursday, September 9, 2021

Para lançar este novo produto, o Facebook juntou-se à conhecida marca de óculos Ray-Ban. Em comunicado enviado às redações, a empresa descreve o equipamento como “uma nova forma de captar fotos e vídeos, de partilhar aventuras, de ouvir música ou simplesmente conversar ao telefone“.

Pelo menos para já, estes óculos só estão à venda nos EUA, Austrália, Canadá, Irlanda, Itália e Reino Unido e custam 329 euros. Como explica a empresa, ao usá-los, pode tirar fotografias e vídeo instantâneos (até 30 segundos) graças às “duas câmaras integradas cinco megapíxeis na frente”. Quanto às preocupação de privacidade “existe uma luz LED que se ilumina para as pessoas à sua volta saberem que está a tirar uma fotografia ou vídeo”, referem o Facebook e a Ray-Ban,

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Estes smartglasses contam ainda com três microfones integrados para poder fazer chamadas de alta-voz e gravar o som de vídeos e duas colunas de som para que não precise de utilizar auscultadores enquanto os utiliza. O aparelho tem também um botão dedicado do Facebook para ” capturar o ambiente que rodeia, através de fotografias ou vídeos com um botão de captura ou comandos de voz do Facebook Assistant (assistente virtual da rede social).

Para fazer o upload de conteúdos através destes óculos escuros com câmara integrada é necessário ter a aplicação  “Facebook View” instalada noutro dispositivo ao qual estes se conectam. Depois, pode partilhar os conteúdos que filmar com estes óculos nas plataformas do Facebook e também no “Twitter, TikTok, Snapchat, etc.”, refere a empresa.

Huawei apresenta smartphones P30 e uns óculos inteligentes

Estes não são os primeiros óculos inteligentes com câmara integrada lançados por uma empresa que, no passado, já recebeu críticas devido à forma como protege os dados pessoais dos utilizadores. Em março de 2019, a Huawei revelou os Eyewear em parceria com a marca de óculos Gentle Monster. Contudo, estes modelos não tinham câmaras de filmar ou fotográficas integradas.

Snapchat lança novos óculos com câmara integrada

Em 2016, o Snapchat lançou os Spectacles, uns óculos com câmara integrada. Contudo, e apesar de terem tido um novo modelo em 2018, este produto não alcançou grande sucesso.