Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

A Austrália vai destruir mais de 30 mil doses da AstraZeneca por terem expirado o prazo de validade. O receio é que este número aumente, visto que os fabricantes continuam a produzi-la em larga escala, apesar de a população estar cada vez mais vacinas da Pfizer/BioNTech, noticia o jornal The Guardian.

As mais de 30 mil doses são ainda uma pequena fração dos cerca de 24 milhões disponibilizados desde o início da pandemia, mas o jornal refere que há mais de sete milhões de doses disponibilizadas que continuam por usar.

A Austrália já doou 3,7 milhões de doses a 12 países do Pacífico, mas as doações sofreram uma quebra acentuada, de acordo com os dados disponíveis: de 500 mil por semana durante o mês de setembro para 26.500 na última semana.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR