O Papa apanhado de férias, respirações em suspenso e euforia. 35 fotos dos bastidores da chegada à Lua /premium

19 Julho 2019105

Os americanos acamparam em Houston, o Papa interrompeu as férias para ver TV, na sala de controlo não se ouvia um pio. Como tudo aconteceu em Terra enquanto o Homem pisava a Lua.

Véspera

Igreja Presbiteriana de Webster

Buzz Aldrin, um dos astronautas escolhidos para a missão Apollo 11, participa num culto de oração alguns dias antes da épica viagem de quatro dias até à Lua.

Mondadori via Getty Images

Véspera

Centro de Controlo da NASA

No centro de controlo da NASA, os técnicos trabalham nos dias que antecedem o lançamento da missão Apollo 11 a bordo do Saturn V, o foguetão mais poderoso de sempre.

Mario De Biasi/Mondadori via Getty Images

Véspera

Centro Espacial Kennedy

Um engenheiro mostra um dos fatos espaciais da missão Apollo 11, cuidadosamente estendido numa maca. “Apollo A7L” pesa quase 111 kg, contando com os suportes básicos de vida.

Mondadori via Getty Images

Véspera

Centro Espacial Kennedy

O módulo lunar da missão Apollo 11 é testado pela última vez antes da partida de Neil Armstrong, Buzz Aldrin e Michael Collins para a Lua.

SSPL/Getty Images

Véspera

Instituto de Tecnologia de Massachusetts

Margaret Hamilton mostra a altura dos livros com os códigos do Apollo Guidance Computer, o computador que seguia a bordo do módulo lunar e com que Neil Armstrong e Buzz Aldrin tiveram de trabalhar. O computador era milhões de vezes menos complexo que qualquer telemóvel moderno, mas levou a humanidade à Lua.

MIT Technology

15/07

Houston

Neil Armstrong e Buzz Aldrin almoçam na véspera do lançamento da missão Apollo 11.

Mario De Biasi/Science Photo Library/Fotobanco.pt

15/07

Centro Espacial Kennedy

Lee B. James (esquerda), gestor do Programa Saturn no Centro de Voo Espacial Marshall, conversa com Isom Pigell (técnico de servidor) na sala 1 do Centro de Controlo. Está a fazer-se o teste de contagem regressiva para a Apollo 11. À esquerda está Hans C. Gruen.

NASA

15/07

Centro Espacial Kennedy

Da sala de controlo do Centro Espacial Kennedy (KSC), o diretor do programa Apollo, Tenente General Samuel C. Phillips, gere as atividades de pré-lançamento da Apollo 11.

NASA

16/07

Centro Espacial Kennedy

Donald Slayton, diretor das Operações de Voo da Tripulação, discute as condições meteorológicas, usando um mapa, com Michael Collins, Neil Armstrong, Bill Anders (piloto de reserva do módulo de comando) e Buzz Aldrin. Estão a tomar o último pequeno-almoço em Terra antes de partirem para a Lua.

Bettmann Archive

16/07

Centro Espacial Kennedy

Funcionários da missão Apollo 11 — incluindo Charles W. Mathews, Wernher von Braun, George Mueller e o General Samuel C. Phillips — relaxam no Centro de Controlo de Lançamentos do Centro Espacial Kennedy, a 16 de julho de 1969, dia do lançamento da missão.

Smith Collection/Gado/Getty Images

16/07

Cabo Canaveral

Turistas concentram-se no Cabo Canaveral e acampam nas suas caravanas à espera do lançamento da missão Apollo 11, a bordo do foguetão Saturn V. Havia um milhão de turistas na baía daquele Cabo a 16 de julho de 1969.

Mondadori via Getty Images

16/07

Cabo Canaveral

Neil Armstrong (a acenar), Michael Collins e Buzz Aldrin dirigem-se à rampa de lançamento para o início da viagem da missão Apollo 11.

Keystone-FranceGamma-Rapho via Getty Images

16/07

Sala de Controlo

Membros da equipa da sala de controlo do Centro Espacial Kennedy levantam-se das suas cadeiras para ver o lançamento da Apollo 11 a bordo do foguetão Saturn V.

NASA/AFP/Getty Images

16/07

Cabo Canaveral

Jornalistas assistem ao lançamento da missão Apollo 11. Na área de imprensa havia cerca de três mil jornalistas de todo o mundo, exceto dos países comunistas.

Mario De Biasi/Mondadori via Getty Images

16/07

Cabo Canaveral

O vice-presidente Spiro Agnew e o ex-presidente Lyndon Johnson assistem à descolagem da Apollo 11 a partir das bancadas montadas no local de visualização VIP do Centro Espacial Kennedy.

Nasa/Getty Images

16/07

Centro Espacial Kennedy

Jornalistas entrevistam a mulher do astronauta Neil Armstrong, Janet, e os filhos Eric e Mark, no Centro Espacial Kennedy, no dia da descolagem da missão Apollo 11, a 16 de julho de 1969.

NASA/AFP/Getty Images

18/07

Centro Espacial Lyndon B. Johnson

Técnicos do Centro Espacial Lyndon B. Johnson preparam a Space Particle Alert Network ou, em português, Rede de Alerta de Partículas Espaciais, que avisará os astronautas e os técnicos de quaisquer ameaças externas que possam colocar em xeque o sucesso da missão e a saúde dos astronautas.

SPAN

20/07

Edifício 30

Vista geral de algumas das atividades na Sala de Controlo de Operações da Missão no Centro de Controlo da Missão, Edifício 30, durante a missão de pouso lunar Apollo 11. Em primeiro plano está George M. Low, gestor do Programa de Veículos Apollo.

Bettmann Archive

20/07

Edifício 30

Os comunicadores da aeronave, enquanto mantêm contacto com os astronautas da Apollo 11 durante a missão de pouso lunar, a 20 de julho de 1969. Da esquerda para a direita estão os astronautas Charles Duke, James Lovell e Fred Haiser.

NASA

20/07

Vilas Pontifícias de Castelgandolfo

O Papa Paulo VI diante de um aparelho de televisão na sua casa de verão, a 20 de julho. Está a assistir ao momento em que os astronautas Neil Armstrong e Buzz Aldrin pousam na Lua.

Bettmann Archive

20/07

Centro de Controlo de Missão

Visão geral da Sala de Controlo de Operações da Missão, no Centro de Controlo da Missão, Edifício 30, durante a atividade extraveícular na superfície lunar (EVA) dos astronautas da Apollo 11, Neil A. Armstrong e Buzz Aldrin. Os dois astronautas já se tinham tornado nos primeiros humanos a pisar a Lua.

NASA

20/07

Centro de Controlo de Missão

O astronauta David R. Scott sentado numa consola durante a missão Apollo 11. Assiste numa televisão à atividade extraveícular na superfície lunar. Scott é o comandante da tripulação de reserva para a missão Apollo 12. E tornou-se no sétimo homem a pisar a Lua durante a missão Apollo 15.

1996-98 AccuSoft Inc., All right

20/07

Lua

O astronauta Neil Armstrong dá “um pequeno passo para o homem, um salto gigante para a humanidade” quando sai da Apollo 11 e pisa a Lua. Para os Estados Unidos, o momento foi o final triunfante de uma corrida que começou em 1961, quando a União Soviética colocou o Sputnik em órbita.

Corbis via Getty Images

22/07

Centro de Controlo de Missão

Garry Latham, com o Observatório Geológico Lamont, estuda traçados de sismógrafos. Os dados eletrónicos vinham do Pacote de Experiências Sísmicas Passivas que os astronautas da missão Apollo 11 tinham implantado na superfície da Lua.

NASA

24/07

Edifício 30

Na Sala de Controlo de Operações da missão Apollo 11, no Centro de Controlo de Missão, Edifício 30, os controladores de voo celebram o regresso bem-sucedido da tripulação de pouso lunar Apollo 11. Está cumprido o objetivo delineado por John F. Kennedy: levar o Homem à Lua e trazê-lo de volta são e salvo.

NASA/Space Frontiers/Getty Images

24/07

Edifício 30

Funcionários da NASA e do Centro de Veículos Espaciais Tripulados (MSC) juntam-se aos controladores aéreos para celebrar a conclusão bem-sucedida da missão de pouso lunar Apollo 11 no Centro de Controlo da Missão, a 24 de julho.

NASA

24/07

Edifício 30

No Centro de Naves Espaciais tripuladas, os controladores de voo aplaudem o regresso dos astronautas e o sucesso da missão lunar Apollo 11.

NASA

24/07

Oceano Pacífico

A aeronave Apollo 11 flutua no Pacífico enquanto homens-rãs se preparam para abrir a escotilha e remover os astronautas Neil Armstrong, Buzz Aldrin e Michael Collins. Estamos a 24 de julho. Os três regressam a casa após a conclusão da bem-sucedida missão lunar.

Bettmann Archive

24/07

Base da Força Aérea de Ellington

O presidente norte-americano Richard Nixon também recebeu os astronautas enquanto estavam de quarentena, logo a 24 de julho de 1969. Está a dar-lhes as “boas vindas a casa” e a agradecer o sucesso da missão.

NASA

27/07

Base da Força Aérea de Ellington

Os membros da missão Apollo 11 são visitados pelas mulheres, a 27 de julho, quando chegam à Base da Força Aérea de Ellington, perto de Houston. Estão de quarentena e só sairão das instalações a 11 de agosto. Neil Armstrong, Buzz Aldrin e Michael Collins são os maridos de Jan Armstrong, Joan Aldrin e Pat Collins.

Space Frontiers/Getty Images

27/07

Base da Força Aérea de Ellington

Para garantir a plenitude da quarentena da Apollo 11, o fotógrafo da NASA, Bill Taub, faz análises de sangue antes de fotografar Neil A. Armstrong, Michael Collins e Buzz Aldrin. A enfermeira chama-se Cheryl Tuchman.

NASA

05/08

Laboratório de Recepção Lunar

Neil Armstrong sopra as velas do seu 39º aniversário na companhia dos funcionários da Área de Receção de Tripulação do Centro de Veículos Espaciais Tripulados, no Centro Espacial Lyndon B. Johnson. Ainda está em quarentena.

Bettmann Archive

19/09

Reino Unido

Noventa e nove gramas de pó e rochas lunares chegam ao Reino Unido e são recebidos por Stuart Agrell, um importante especialista em mineralogia. Uma parte do material trazido da Lua foi distribuído por instituições científicas de todo o mundo para que outras comunidades o possam estudar.

Murphy/Mirrorpix/Getty Images

20/09

Centro de Investigação Ames

O microbiologista Ed Merek, na ponta esquerda, testa o equipamento para examinar as amostras trazidas para terra pela Apollo 11, no Laboratório Biológico Lunar da NASA, no Centro de Investigação Ames, no outono de 1969.

NASA

29/11

Laboratório de Receção Lunar

A mão enluvada de um investigador segura uma das numerosas amostras de rochas trazidas para a Terra a partir do programa de alunagem Apollo. Esta amostra é uma rocha basáltica altamente quebrada com um fino revestimento de vidro preto em cinco dos seus seis lados.

Science Photo Library/Fotobanco.pt

Não queremos ser todos iguais, pois não?

Maio de 2014, nasceu o Observador. Junho de 2019, nasceu a Rádio Observador.

Há cinco anos poucos acreditavam que era possível criar um novo jornal de qualidade em Portugal, ainda por cima só online. Foi possível. Agora chegou a vez da rádio, de novo construída em moldes que rompem com as rotinas e os hábitos estabelecidos.

Nestes anos o caminho do Observador foi feito sem compromissos. Nunca sacrificámos a procura do máximo rigor no nosso jornalismo, tal como nunca abdicámos de uma feroz independência, sem concessões. Ao mesmo tempo não fomos na onda – o Observador quis ser diferente dos outros órgãos de informação, porque não queremos ser todos iguais, nem pensar todos da mesma maneira, pois não?

Fizemos este caminho passo a passo, contando com os nossos leitores, que todos os meses são mais. E, desde há pouco mais de um ano, com os leitores que são também nossos assinantes. Cada novo passo que damos depende deles, pelo que não temos outra forma de o dizer – se é leitor do Observador, se gosta do Observador, se sente falta do Observador, se acha que o Observador é necessário para que mais ar fresco circule no espaço público da nossa democracia, então dê o pequeno passo de fazer uma assinatura.

Não custa nada – ou custa muito pouco. É só escolher a modalidade de assinaturas Premium que mais lhe convier.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: mlferreira@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)