Índice

    Índice

Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Em 10 ministérios apenas um, o da Agricultura, prevê gastar menos dinheiro (-8%) em 2019 do que este ano. O do Planeamento e Infraestruturas cresce 37,5% de um ano para o outro e a Cultura chega, finalmente, aos 500 milhões de euros de despesa orçamentada. A crescer, é certo, mas ainda longe dos 1% do PIB que pedia o setor.

Intensificar o rastreio do cancro da mama, investir mais na ferrovia, manuais escolares subsidiados integralmente até ao 12.º ano, passes únicos subsidiados em Lisboa e Porto. Conheça as prioridades inscritas pelo Governo na proposta de Orçamento do Estado para o próximo ano em várias áreas-chave.

Este artigo é exclusivo para os nossos assinantes: assine agora e beneficie de leitura ilimitada e outras vantagens. Caso já seja assinante inicie aqui a sua sessão. Se pensa que esta mensagem está em erro, contacte o nosso apoio a cliente.