Rússia

O fisco na Rússia tem uma nova estratégia: leva o gato a quem não paga impostos

668

Os agentes de execução fiscal na Rússia estão a levar os animais de estimação das pessoas que não têm maneira de pagar as dívidas ao Estado.

Getty Images

Na Rússia, os agentes do fisco estão a usar métodos criativos para cobrar as dívidas dos cidadãos. Segundo o Moscow Times, os métodos persuasivos já passam por retirar animais de estimação aos donos – prática que parece ser cada vez mais comum no país.

O jornal dá conta de um gato, que esteve nas mãos dos agentes para colmatar uma dívida de aproximadamente 160€. Aconteceu em casa de um homem que vivia em Novosobirsk, que não tinha nada para levar como penhora. O devedor estava desempregado, tinha-se mudado para casa dos pais e não tinha rendimentos.

No relatório sobre a busca, citado pelo jornal, pode ler-se o que se passou a seguir:

Depois, um agente reparou num gato lindíssimo que o devedor segurava nos braços e mais três crias, de uma espécie inglesa, que corriam pela casa (…). Por serem animais de pedigree e caros, os agentes decidiram prender a ninhada.”

A história teve um final surpreendente: após a ameaça o dono do gato apareceu com o dinheiro em falta e pagou a dívida. O origem das notas é desconhecida, mas o final do gato não: ficou em casa com o dono. São e salvo.

 

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Angola

O caso Manuel Vicente

Ricardo Sá Fernandes

Não posso aceitar que seja do interesse de Portugal ou de Angola a aceitação de uma “chantagem” exercida apenas para salvaguarda de Manuel Vicente (por mais poderoso ou melhor pessoa que possa ser).

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site