A Irlanda estará em negociações com os credores internacionais da troika para pagar antecipadamente o empréstimo que recebeu na sequência do resgate pedido no final de 2010, de modo a conseguir reduzir a fatura com juros da dívida, noticia o jornal Irish Times.

Segundo o jornal irlandês, já houve negociações entre os responsáveis irlandeses e os responsáveis da Comissão Europeia e do FMI para avaliar a possibilidade de pagar antecipadamente uma parte do empréstimo, mas não foi tomada qualquer decisão.

A Irlanda continuará sob supervisão pós-programa até amortizar três quartos do empréstimo, o que deve acontecer em 2031.

Caso seja alcançado um acordo, o Governo irlandês só irá amortizar partes de empréstimos da União Europeia que terminem antes de 2027.