O Facebook e o Instagram são as mais famosas, mas são muitas outras as redes sociais que vão surgindo, e que utilizadas, sobretudo, pelos mais jovens. Nos Estados Unidos da América estas quatro, Yik Yak, Plague, Swarm e SUPER, têm ganhado popularidade, e seguidores. E cá também as pode usar. Fique a conhecê-las melhor.

Yik Yak

O Yik Yak funciona de forma muito simples. Não existem perfis, não existem seguidores. Apenas posts e a opção “gosto” e “não gosto”. O único senão é que funciona apenas a um nível local, isto é, só mostra posts de pessoas que se encontram dentro de um raio de 16 quilómetros. Isto significa que numa área onde existem poucos utilizadores da aplicação, não existirá grande interatividade.

Um dos aspetos mais apreciados do Yik Yak é a confidencialidade — não é possível saber quem publicou o quê. Nos Estados Unidos da América, a aplicação é muito utilizada por estudantes para partilhar opiniões relacionadas com aulas ou com outros aspetos da vida escolar.

Plague

O objetivo do Plague transmitir informação o mais amplamente possível. Todos os utilizadores estão conectados desde o início, o que permite que uma publicação seja visto em qualquer parte do mundo.

O processo de publicar um post é muito semelhante ao do Facebook — basta adicionar o texto ou um link. A publicação é imediatamente enviada para os utilizadores que se encontram na mesma localidade e que poderão ajudar a espalhar a informação. Para tal, basta só “gostar”, fazendo um movimento para cima. Se o movimento for ao contrário, isto é, para baixo, a informação não progride. Quantos mais likes tiver, mais hipóteses terá de se espalhar, como se de uma praga verdadeira se tratasse.

Swarm

Criado pela Foursquare, o Swarm é uma forma prática de entrar em contacto com os amigos e descobrir quem é que está por perto. Para usar o Swarm basta fazer o chek-in, escolher a localização e partilhar. A seguir, a rede social mostrar-lhe-á quem é que está na mesma área. Apesar do aspeto prático do Swarm, muitos utilizadores tem-se mostrado desapontados com a aplicação, principalmente aqueles que eram já velhos utilizadores do Foursquare. Para muitos, o Swarm não passa de uma versão má do Foursquare, sem qualquer utilidade.

SUPER

O Super é uma maneira diferente e divertida de partilhar opiniões. Criado pelo co-fundador do Twitter, Biz Stone, o Super permite editar fotografias, adicionando textos e cores, que podem depois ser partilhadas. A grande vantagem do Super é que permite publicar fotografias publica ou anonimamente.