O Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) anunciou a instauração de um processo disciplinar ao avançado Slimani, do Sporting, na sequência de uma queixa apresentada pelo Benfica.

Em causa está uma agressão (cotovelada) do avançado argelino ao médio grego Samaris que não foi assinalada pelo árbitro Jorge Sousa, no jogo da quarta eliminatória da Taça de Portugal, em que o Sporting recebeu e venceu o Benfica, por 2-1, após prolongamento.

A secção não profissional do CD indicou ainda que, no âmbito do mesmo processo, mandou arquivar a queixa apresentada pelo Sporting contra o Benfica.