O ano de 2015 chegou ao fim com 633,9 mil pessoas desempregadas, o correspondente a uma taxa de desemprego de 12,2% no 4.º trimestre. Embora a taxa tenha subido 0,3 pontos percentuais face ao trimestre anterior, caiu 1,3 pontos face ao último trimestre de 2014, de acordo com os resultados do Inquérito ao Emprego divulgados esta quarta-feira pelo Instituto Nacional de Estatística (INE).

Das mais de 633 mil pessoas desempregadas, 50,7% eram homens e 49,3% mulheres e o grupo etário mais expressivo era o dos 45 ou mais anos (correspondente a 37% da população desempregada). Por duração da procura de emprego: 37,7% dos desempregados estavam à procura de emprego há menos de 12 meses e 62,3% eram empregados de longa duração – à procura de emprego há 12 e mais meses.

Face a igual período de 2014, registaram-se menos 64,4 mil pessoas desempregadas em dezembro de 2015. Isto ao mesmo tempo que a população ativa, estimada em 5,19 milhões de pessoas, permaneceu praticamente inalterada em relação ao trimestre anterior e aumentou 0,1% em relação ao trimestre homólogo de 2014. Também a população empregada aumentou 1,6%, de 4,49 milhões de pessoas empregadas no último trimestre de 2014 para 4,56 milhões no último trimestre de 2015.