O homem que, esta segunda-feira, se atirou do viaduto por cima da Rotunda do Relógio, em plena manifestação dos taxistas, em Lisboa, apresenta uma situação clínica “estável”, segundo o gabinete de comunicação do Centro Hospitalar Lisboa Norte (CHLN).

Com 47 anos de idade, o homem pendurou-se no viaduto e acabou por cair, por volta das 17h20 de segunda-feira, tendo sido socorrido de imediato no local e transportado para o Hospital de Santa Maria.

Na altura, fonte oficial do INEM deu conta ao Observador que o estado da vítima era “crítico”, mas, esta terça-feira, o assessor de comunicação do Centro Hospitalar Lisboa Norte (CHLN) informou o Observador que o homem está “estável” e apenas fraturou o sacro.